Após solicitação de Eduardo da Fonte, Governo Federal defende revisão na política de preços do gás

Publicado por Alberes Xavier em 08/04/2021 às 11:05


O presidente Jair Bolsonaro afirmou ser favorável a mudanças que tragam mais previsibilidade nos preços do gás e dos combustíveis produzidos pela Petrobras. A sinalização contrária a alta dos preços, que foi classificada como “inadmissível” por Bolsonaro, foi feita após o deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE) solicitar ao Governo Federal a redução no valor do gás de cozinha (Ofício 54).


“Essa alta nos combustíveis, especialmente quando atinge o gás de cozinha, afeta diretamente no bolso do pai de família. Os brasileiros não aguentam mais altas no preço do gás. Isso é um absurdo e impacta diretamente no orçamento familiar. Nosso objetivo é garantir que as famílias tenham condições de cozinhar e possam pagar o que é justo pelo gás de cozinha”, afirmou Eduardo da Fonte.