Fábio Aragão lança Auxílio Municipal Emergencial em Santa Cruz do Capibaribe

Publicado por Alberes Xavier em 12/04/2021 às 16:52


Anúncio foi feito durante prestação de contas dos 100 dias de gestão, nesta segunda-feira (12).


O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Fábio Aragão (PP), anunciou nesta segunda-feira (12), o Auxílio Emergencial Municipal, uma nova ação para o enfrentamento da COVID-19 na cidade. O anúncio foi feito durante apresentação dos 100 dias de governo à imprensa de Santa Cruz. O projeto irá beneficiar 1.000 famílias de extrema pobreza que estão na fila de espera do Bolsa Família. 


Para Fábio Aragão, essa ação é uma forma de amenizar os impactos sociais causados pela pandemia. “Decidimos criar esse auxílio para amenizar os impactos sociais causados pela pandemia nas famílias que vivem em vulnerabilidade social”, disse o gestor. “Este público está extremamente necessitado nesse momento que estamos passando”, pontuou.


Serão 1.000 famílias que estão na “fila” de espera do Bolsa Família, que vivem na extrema pobreza, pessoas que estão inscritas no Cadastro Único, mas não são assistidas pelo Governo Federal. Segundo o prefeito Fábio Aragão, serão pagas duas parcelas de 100 reais, a partir do mês de maio. “Serão duas parcelas de 100 reais e durante dois meses, serão injetados 200 mil reais na economia do nosso município. Nesse momento crítico que estamos vivendo, será uma ajuda e tanto para essas pessoas e para a economia de Santa Cruz”, disse.


As pessoas que atenderem aos critérios para receber o Auxílio Municipal Emergencial serão procuradas pelas equipes da Assistência Social da Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe. Os critérios são: ser residente do município de Santa Cruz, ter filhos de 0 a 3 anos e estar na fila de espera do Bolsa Família e em situação de extrema pobreza. 


Fábio Aragão também pontuou que o projeto está sendo encaminhado para apreciação na Câmara de Vereadores, onde crê na aprovação por parte dos parlamentares.