“O Governo do Estado precisa determinar a circulação de metrô e ônibus com a frota completa e em tempo integral”, afirma Wanderson Florêncio

Preocupado com a saúde da população que está retornando para o trabalho em meio ao enfrentamento da pandemia do Covid-19, o deputado estadual Wanderson Florêncio (PSC) alerta para a falta de atenção do Governo do Estado com as pessoas que utilizam o transporte público na Região Metropolitana do Recife. Para o parlamentar, metrô e ônibus deveriam funcionar com a frota completa e tempo integral para diminuir aglomerações de passageiros. 


O metrô está funcionando apenas em horário de pico, das 5h30 às 9h30 e das 15h30 às 20h30, com um número de trens reduzidos, enquanto os ônibus do Consórcio Grande Recife estão circulando com apenas 70% da frota. Com a retomada das atividades, a diminuição do isolamento social e o aumento de pessoas nas ruas, a população é obrigada a circular em um transporte público lotado.


“As atividades estão sendo liberadas e as pessoas voltaram para as ruas. O Governo do Estado precisa determinar a circulação de metrô e ônibus com a frota completa e em tempo integral para que sejam evitadas aglomerações e mantida uma distância entre as pessoas”, afirmou o Wanderson Florêncio.


O deputado disse que tem recebido denúncias de pessoas que estão enfrentando dificuldades para se deslocar na Região Metropolitana por falta de veículos e ficam receosas de utilizar o transporte público com aglomerações. “A população quer e precisa trabalhar para conseguir o sustento da sua família. Cabe ao estado garantir que ela saia e volte para casa em segurança”, comentou o parlamentar.