Marco Aurélio denuncia superlotação em ônibus no primeiro dia de rodízio no Recife

O parlamentar diz que Paulo Câmara e Geraldo Julio são irresponsáveis.


O líder da oposição na Alepe, deputado estadual Marco Aurélio Meu Amigo (PRTB), voltou a criticar o sistema de rodízio, que teve início nesta sábado (16/05), em cinco cidades do Grande Recife, o parlamentar alega que a medida não ajudará no combate ao coronavírus e traz mais transtornos para a população. 


“O rodízio não é solução e traz ainda mais transtornos para a população. Na Alepe votei contra o Projeto de Lei que autoriza a apreensão dos carros e me posicionei totalmente contra o rodízio. O verdadeiro problema está na Gestão, que não consegue realizar medidas contra a crise do Coronavírus. Temos hospitais de campanha que não funcionam, recorde em gastos e, ao mesmo tempo falta EPI para os profissionais da saúde”, escreveu o parlamentar.


Marco Aurélio compartilhou em suas redes sociais um vídeo em que mostra um ônibus superlotado, acusando o Governador Paulo Câmara (PSB) e o Prefeito do Recife, Geraldo Júlio (PSB), de serem irresponsáveis. “Já começam a chegar as imagens dos ônibus superlotados, por causa da irresponsabilidade e falta de compromisso com o povo de Pernambuco e do Recife”, disse o parlamentar. 


Projeto de Decreto


O deputado apresentou um Projeto de Decreto Legislativo indicando que o poder executivo realize uma correção e permita que motoristas cadastrados nos aplicativos de transporte de passageiros, como Uber e 99, possam circular independente do sistema de rodízio.