Prorrogação do IPVA vai aliviar efeitos da Covid-19 para trabalhadores, defende Antonio Coelho

Em indicação apresentada à Assembleia Legislativa, o deputado estadual Antonio Coelho (DEM) defende que o governo estadual prorrogue, pelo prazo de 90 dias, o vencimento da parcela do IPVA prevista para abril. O democrata ressalta que a medida vai contribuir para amenizar os efeitos econômicos da pandemia do Covid-19, particularmente para aqueles que usam os veículos como ferramenta de trabalho. 


O parlamentar pontua a necessidade de o Estado prover proteção social a esses trabalhadores, que tiveram a renda afetada de maneira significativa diante das medidas necessárias de isolamento social tomadas pela gestão estadual a fim de conter a propagação do coronavírus. Entre elas, constam a proibição dos serviços de moto-taxistas, a diminuição do fluxo de passageiros dos motoristas de aplicativos, de taxistas e de motoristas de transporte alternativo de passageiros. 


“A restrição à circulação de pessoas impacta significativamente a renda desses profissionais. Por isso, faz-se necessária a intervenção do Estado. E a prorrogação do IPVA dos proprietários de veículos automotores, utilizados em atividade laborais, representará um grande esforço do Estado para atenuar o impacto econômico da COVID-19 sobre essa categoria, que se encontra desamparada frente à queda da sua renda”, destaca Antonio Coelho.