“Raquel está pronta para este desafio”: Joaquim Neto ex-prefeito de Gravatá em relação à prefeita de Caruaru assumir a pré-candidatura ao Governo do Estado

Publicado por Alberes Xavier em 17/01/2022 às 18:42



Joaquim Neto, ex-prefeito de Gravatá, ressaltou durante entrevista na Rede Pernambuco de Rádios, o momento de protagonismo pelo qual passa o PSDB em Pernambuco. Ele elogiou a conduta da atual presidenta estadual da legenda, a prefeita de Caruaru Raquel Lyra, e apontou que ela está pronta para o desafio de ser a representante das oposições para o Governo do Estado. “É uma pessoa que se comunica muito bem. Que vem de uma história, de uma conduta ilibada. É filha de um grande político, sério, João Lyra. É sobrinha de um grande político muito sério, Fernando Lyra. Já foi deputada, já teve sua participação na vida pública como procuradora. Já está no segundo mandato como prefeita de Caruaru. É uma pessoa, que apesar da pouca idade, está pronta justamente para este desafio”, destacou. “E o PSDB pela primeira vez nós temos um candidato a Governador do nosso partido. Hoje o PSDB tende a tomar um rumo”, frisou.

Raquel ainda não oficializou sua pré-candidatura para compor a chapa majoritária pela oposição para o Governo do Estado. Nesta segunda-feira (17), o Movimento Levanta Pernambuco realiza um evento em Gravatá.


Neto avaliou ainda que os nomes de Miguel Coelho e Anderson Ferreira são lideranças necessárias para Pernambuco, que são bem-vindos, e defende o diálogo entre as correntes oposicionistas. “São lideranças novas, com força, com gás, com ideias inovadoras, que podem contribuir muito para o nosso estado”, pontuou. “Na minha opinião é juntar. Política se faz somando. Esse é o desejo de todos nós que fazemos essa frente”, falou.


Danilo Cabral ou Zé Neto - Joaquim Neto comentou ainda a respeito do nome que poderá ser apresentado pela Frente Popular para a sucessão de Paulo Câmara. “Tenho amigos lá, que me falam que o candidato não é Danilo. Todo mundo torce hoje, o grupo ligado à Paulo Câmara, justamente para Zé Neto”, frisou. “Estamos do outro lado, mas Zé é uma pessoa diferente. Trabalha com Paulo Câmara, tem sido leal e correto com o Governador”, continuou. “Mas a gente se limita a falar do nosso lado. Isso aí é uma questão do PSB”, completou.