Estudo: pobreza é mais grave em famílias com crianças

Publicado por Alberes Xavier em 12/12/2019 às 07:19


Da Agência Brasil


Estudo divulgado nesta quinta-feira (12) pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas) e pela agência de desenvolvimento social ChildFund Brasil, de origem norte-americana com sede em Belo Horizonte (MG), mostra a privação de necessidades essenciais ao desenvolvimento e qualidade de vida entre famílias pobres do Maranhão, Piauí e da Paraíba.


A análise foi feita a partir do Índice de Pobreza Multidimensional (IPM), que, além da renda, considera o acesso à educação e à saúde. O dado é calculado por município e avalia a situação de crianças de 0 a 11 anos.


Conforme nota publicada pelos realizadores do estudo, “foi constatado que tanto a incidência quanto a intensidade da pobreza são maiores em domicílios com presença de crianças. Foram encontradas 186.241 crianças com idade de 0 a 11 anos em situação de pobreza multidimensional, sendo 126.760 no Maranhão, 31.708 no Piauí e 27.773 na Paraíba”.


As duas instituições também avaliaram o risco de outras crianças passarem a viver a situação de pobreza multidimensional. “Nos três estados, foi constatada a existência de 577.946 crianças em situação de vulnerabilidade, na mesma faixa etária [0 a 11 anos], sendo 353.875 no Maranhão, 118.274 no Piauí e 105.797 na Paraíba”.


O levantamento foi feito a partir de dados secundários originários do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por equipe de professores e alunos dos programas de pós-graduação em Geografia, Tratamento da Informação Social e Ciências Sociais da PUC Minas.

“Eu acredito no governador Paulo Câmara”, afirma Rubinho Nunes sobre ações nos municípios

Publicado por Alberes Xavier em 12/12/2019 às 07:06


O líder da oposição do Brejo da Madre de Deus, Rubinho Nunes PSB, esteve acompanhando a visita da secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos de Pernambuco, Fernanda Batista em Santa Cruz do Capibaribe, e falou ao Blog do Alberes Xavier e para a Rede Agreste de Rádios sobre os investimentos destinados pelo Governo do Estado.


Rubinho comentou sobre a série de obras que vem acontecendo com o intuito de trazer água para os municípios do Polo das Confecções, principalmente Brejo da Madre de Deus, e afirmou que apresentou um projeto aos representantes da Compesa (Companhia Pernambucana de Saneamento), para que o Brejo passe a receber água de Serra do Vento e da Adutora do Agreste.


“Eu acredito no governador Paulo Câmara, que tem sido sensível as questões relacionadas ao Polo de Confecções. Fizemos visitas em grandes obras como a Adutora do Alto Capibaribe, o Esgotamento Sanitário e a reconstrução da Ponte Velha, então essas ações fazem com que possamos ter um governo presente e que chega com benefícios aos municípios”, ressaltou.


Por fim, o líder da oposição falou sobre a restauração da PE-145, ligando os municípios de Brejo da Madre de Deus, Jataúba e Fazenda nova. “Muitos dizem que não será feito, mais uma vez afirmo que acredito no governador”, concluiu.


Se Ligue - O programa “Cidade em Foco” vai ao ar de segunda a sexta-feira: 11:00 hs, na Rede Agreste de Rádios, composta pelas Emissoras: Rádio Filadélfia FM (104,9), Farol FM (90,5), Rádio Cambucá FM (104.9), Rádio Vale FM (91.7), Redentor FM (104,9), Orobó FM (105.9), Potyra FM (87,9) e pela Internet: www.filadelfiafm.net ou através do www.blogdoalberesxavier.com

Biu Abreu destaca festa de Nossa Senhora da Conceição e faz balanço como secretário de obras de Orobó

Publicado por Alberes Xavier em 12/12/2019 às 06:56


O vice-prefeito e atual secretário de Obras da cidade de Orobó, Biu Abreu (PSD), foi entrevistado pelo radialista Alberes Xavier para o programa Cidade em Foco da Rede Agreste de Rádios, e falou sobre às comemorações da festa de Nossa Senhora da Conceição, vivenciadas no município.


“O atrativo desta festa é a divulgação do nome de nosso município, tendo em vista a grande atração que foi o Padre Fábio de Mello, fazendo com que Orobó seja procurada pelos visitantes e tantas pessoas que vem de outros estados conhecer a nossa festa. Parabenizo o prefeito Chaparral pela idealização e agradeço pela confiança que ele dá a todos os secretários”, afirmou.


Por fim, Biu Abreu fez um balanço das ações realizadas pela sua secretaria e pontuou que em 2020 o trabalho não vai parar. “Desejo a todos os oroboenses um feliz natal e ano novo com muita paz, alegria e novos desafios para que próximo ano possamos ampliar nosso trabalho. Este ano já realizamos limpeza, pintura do meio-fio e ampliamos a iluminação das praças e avenidas”, finalizou.


Se Ligue - O programa “Cidade em Foco” vai ao ar de segunda a sexta-feira: 11:00 hs, na Rede Agreste de Rádios, composta pelas Emissoras: Rádio Filadélfia FM (104,9), Farol FM (90,5), Rádio Cambucá FM (104.9), Rádio Vale FM (91.7), Redentor FM (104,9), Orobó FM (105.9), Potyra FM (87,9) e pela Internet: www.filadelfiafm.net ou através do www.blogdoalberesxavier.com

Aprovado fim da prisão administrativa para PMs e bombeiros

Publicado por Alberes Xavier em 12/12/2019 às 06:27


Da Agência Brasil


O Senado aprovou nesta quarta (11) o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 148/2015, que extingue a prisão administrativa de policiais militares e bombeiros como punição por transgressões disciplinares. O projeto segue para sanção presidencial.


O dispositivo propõe que essas corporações sejam regidas por um código de ética e disciplina, aprovado por lei estadual específica. Além disso, esse código de ética deve regulamentar o devido processo administrativo-disciplinar, definir as sanções disciplinares e vedar a restrição de liberdade.


Um dos autores do projeto é o senador Jorginho Mello (PL-SC), ainda quando era deputado federal. Ele agradeceu o apoio dos colegas na aprovação do texto e afirmou que a prisão administrativa é “coisa de tempos passados”. “[Essa lei] não vai enfraquecer a disciplina, o respeito. Hoje é um absurdo. [Se o militar] fez uma continência que o superior dele entendeu que não foi com a força necessária, cadeia nele. Isso é coisa dos tempos passados”.


O senador Major Olímpio (PSL-SP) foi outro a apoiar a aprovação do texto. Para ele, a prisão administrativa também é uma medida exagerada. “Se um soldado, tenente ou um capitão chegar atrasado cinco minutos, ou se chegar com o cabelo que considerem grande demais [vai preso]. Se o cabelo está crescido ou não é interpretação do administrador. E o policial tem que ligar em casa e falar para o filho ‘o papai vai ficar preso por cinco dias’”.

Comércio na Praça realiza a segunda ação gratuita de saúde e beleza para a população

Publicado por Alberes Xavier em 12/12/2019 às 06:10


Desta vez os serviços serão oferecidos para os compradores e vendedores do espaço dos Guararapes


Nesta sexta-feira (13), a partir das 9h, a Secretaria de Serviços Públicos vai realizar a segunda edição das ações de saúde e beleza, em parceria com instituições privadas, como o CEBRAC e a escola Focus Curso. Desta vez os serviços serão ofertados dentro da estrutura do Comércio na Praça dos Guararapes, no centro de Caruaru.


O evento é promovido pela Prefeitura de Caruaru e tem o objetivo de movimentar os espaços com serviços, atrair mais compradores para o local e, com isso, aumentar as vendas. Durante toda manhã serão oferecidos os serviços de aferição de pressão, tipagem sanguínea, teste de glicose e corte de cabelo masculino.


Todos os serviços são gratuitos para os compradores e comerciantes do local que terão ainda um trio pé de serra caracterizado com tema natalino.

Deputado Marco Aurélio cobra providências do Governo após pedido de desocupação da FOP

Publicado por Alberes Xavier em 12/12/2019 às 06:05


O parlamentar revelou que há cerca de 6 anos 0,4 hectares da UPE foram desmembrados para a construção de moradias para essas famílias.


Durante a reunião plenária desta  quarta-feira (11), o líder da oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), deputado Marco Aurélio Meu Amigo (PRTB), cobrou do Governo Paulo Câmara providências após moradores da Faculdade de Odontologia de Pernambuco (FOP), em Camaragibe, receberem a notícia que terão que desocupar o local.  


De acordo com o parlamentar, a área é moradia de várias famílias há cerca de 40 anos, segundo ele a Universidade de Pernambuco (UPE) teria desmembrado 0,4 hectares para a construção de 72 moradias para essas famílias.


O Governo de Pernambuco teria realizado um chamamento público, onde uma empresa vencedora teria a responsabilidade de construir essas residências, mas o parlamentar lamenta que até agora nada foi feito. Segundo ele a proposta do governo seria no sentido de que

 as famílias desocupem de imediato o local e que somente a partir de fevereiro do próximo ano passariam a receber um auxílio moradia no valor de R$ 200,00. 


“Mais uma vez a condição humana é desrespeitada, principalmente por esse governo que está aí, que se diz socialista mas de povo não tem nada”, disse o parlamentar. 


Ainda durante seu pronunciamento, Marco Aurélio disse que os moradores foram pegos de surpresa para que desocupem a área, sob a alegação de que o local está em risco de desabar a qualquer momento. 


Estiveram presente na sessão o presidente da Câmara de Camaragibe, Toninho (PTB) e o 1º secretário Roberto da Loteria (PTC), os vereadores Adriano Tabatinga, Délio Junior, além de um grupo de moradores da FOP. 

Kleiton Vieira Participou da Apresentação do Décimo Terceiro do Bolsa Família Pernambuco

Publicado por Alberes Xavier em 11/12/2019 às 22:05


Mais um dia de trabalho para o parlamentar vertentense, o dia começou com Kleiton Vieira participando da apresentação do 13° do Bolsa Família Pernambuco que aconteceu no Ginásio Municipal de Esportes localizada na Praça Agamenon Magalhães no centro de Vertentes.


O evento contou com membros da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude do Governo do Estado que veio informar sobre o programa e como a população poderá fazer para receber tal benefício.


Além de representantes do governo municipal, representado pelo chefe do executivo local e membros da Secretária de Ação Social entre outros.


O Vereador Kleiton Vieira (Único representante do Legislativo) mesmo sendo da base opositora ao governo municipal, entendeu que o evento era pra o bem da população e se fez presente ao encontro e acompanhou todos os detalhes e interagiu com os presentes pra esclarecer sobre essa ação que beneficiarão o povo.

TACAIMBÓ E RATEIO DOS PRECATÓRIOS DO FUNDEF

Publicado por Alberes Xavier em 11/12/2019 às 20:18


A Câmara Municipal de Tacaimbó, no agreste, aprovou projeto de lei determinando o rateio entre os professores locais de 60% dos precatórios do governo federal no Fundef (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério), em atitude semelhante à adotada por outros municípios pernambucanos, como Salgueiro, Águas Belas, Ibirajuba e Exu, por exemplo.


A decisão dos vereadores resultou de audiência pública promovida pelo deputado federal Fernando Rodolfo (PL-PE) em São Caetano da qual participaram dirigentes sindicais do magistério de Tacaimbó. “É um movimento que se alastra, ao qual aderiu com coragem o prefeito Álvaro Marques”, comemorou Rodolfo.


Nas suas andanças pelo interior pregando o rateio, suspenso por ato do TCU (Tribunal de Contas da União), o deputado do PL, que visitou até agora 16 municípios com este objetivo, tem explicado, nas audiências públicas, o procedimento a ser adotado enquanto não é aprovado o projeto de lei 5733/2019, do qual é relator, que estabelece a divisão, sustando, por ter força de lei, a decisão do TCU.


Sugere ele que o prefeito elabore um projeto de lei estabelecendo os critérios do rateio, submeta a proposta à votação da Câmara dos Vereadores, sancione o projeto após a votação e solicite ao Poder Judiciário a homologação da lei municipal, resguardando-se, assim, de eventuais punições do TCU.


“Sancionando o projeto de lei municipal e homologando a proposta no Poder Judiciário, o prefeito Álvaro Marques estará imune e os professores de Tacaimbó terão direito a uma justa e absolutamente legal reivindicação”, concluiu Fernando Rodolfo.  

João Campos fala ao Cidade em Foco sobre CPI que investiga o derramamento de óleo no litoral brasileiro

Publicado por Alberes Xavier em 11/12/2019 às 18:51


O deputado federal, João Campos (PSB), conseguiu recentemente instituir a Comissão Parlamentar de Inquérito na Câmara Federal para investigar o surgimentos de manchas de óleo no Nordeste brasileiro. Em entrevista ao programa Cidade em Foco da Rede Agreste de Rádios, o parlamentar falou sobre a nova CPI e se posicionou contra o Projeto de Emenda a Constituição que visa autorizar a prisão em segunda instância.


O deputado conquistou 287 assinaturas para instituir a CPI que investiga o derramamento de óleo no Nordeste. "O que a gente tem que fazer agora é investigar a origem do óleo, avaliar as medidas que foram tomadas e as que deixaram de ser tomadas por parte das autoridades responsáveis e poder modificar a Legislação brasileira para o Brasil está pronto para evitar um desastre desses", disse o mesmo, destacando ainda que as praias pernambucanas já estão totalmente aptas para o banho.


Segunda Instância - Na oportunidade, o parlamentar aproveitou para criticar a PEC que tramita no Congresso Nacional e visa autorizar prisões após condenação em segunda instância. "Do jeito que ela está tramitando na CCJ ela é inconstitucional, porque ela quer mudar o artigo 5º que é uma clausula pétrea, e a cláusula pétrea é muita clara, não pode ser alterada. Desde de 1988 até hoje nunca foi alterada uma cláusula pétrea, porque não pode. Então, se quiserem mudar esse entendimento, tem que ser por outro caminho", disse.


Se Ligue - O programa “Cidade em Foco” vai ao ar de segunda a sexta-feira: 11:00 hs, na Rede Agreste de Rádios, composta pelas Emissoras: Rádio Filadélfia FM (104,9), Farol FM (90,5), Rádio Cambucá FM (104.9), Rádio Vale FM (91.7), Redentor FM (104,9), Orobó FM (105.9), Potyra FM (87,9) e pela Internet: www.filadelfiafm.net ou através do www.blogdoalberesxavier.com

Prefeito de Petrolina cobra investigação rápida e dura sobre atentado contra secretário executivo

Publicado por Alberes Xavier em 11/12/2019 às 18:16


Em entrevista coletiva, nesta quarta-feira (11), o prefeito Miguel Coelho expressou indignação acerca da tentativa de homicídio sofrida pelo secretário executivo de Transporte de Petrolina, José Carlos Alves. O gestor informou ter acionado as polícias civil e federal para uma investigação “rápida e dura” em torno do caso e garantiu que também irá acompanhar de perto todos os procedimentos da apuração.


José Carlos Alves sofreu uma emboscada na manhã desta quarta, enquanto saía de automóvel de casa para o trabalho. O secretário foi alvejado com quatro tiros (dois na cabeça, um no tórax e outro no braço), mas, após atendimento médico, já se encontra fora de perigo de morte.


Ao longo da coletiva sobre o atentado, o prefeito informou que dará toda atenção à família de José Carlos e vai monitorar as medidas necessárias para a investigação do caso. Miguel disse também que conversou sobre o ataque com o governador Paulo Câmara. “Desde que aconteceu o atentado, procurei o governador, conversei também com o secretário de Defesa, Antônio Pádua, e a investigação foi iniciada. Cobramos uma investigação rápida e dura”.


Após a entrevista, Miguel se deslocou até o hospital onde está internado José Carlos Alves para prestar solidariedade à família. “Vamos dar todo o apoio à esposa, filha e familiares nesse processo de recuperação. Agora também pedimos para as pessoas rezarem pela pronta recuperação de José Carlos”, reforçou o prefeito.


José Carlos Alves já passou por cirurgia para a remoção das balas. De acordo com o médico responsável pelo tratamento, Antonio Vinicius, a situação do secretário é estável, sem risco de morte. “Ele está relativamente bem. Foi submetido a uma cirurgia para abertura de crânio e correu tudo bem. Ele já acordou, está falando e passará uns dois ou três dias na UTI e até dez dias internado. O estado dele inspira cuidados, mas está sob controle”, explicou o médico.