André Ferreira afirma que Janjão é a melhor opção para Bom Jardim

Publicado por Alberes Xavier em 03/02/2020 às 16:57


O deputado federal e presidente estadual do PSC, André Ferreira, esteve no município de Bom Jardim para firmar o compromisso com a pré-candidatura do professor João Neto, mais conhecido como Janjão à prefeitura do município.


Ex-secretário municipal de Educação, ele vem trabalhando para fortalecer seu nome para a disputa de outubro. Ao lado do deputado e do prefeito de Orobó, Cléber Chaparral, dos vereadores Lenilson do Posto, Alexandre de Biu de Laro, Rufino Filho, Janjão percorreu as ruas do município para conversar com a população e começar a apresentar as suas propostas para a cidade.


“Janjão é jovem e tem boas propostas para alavancar a economia de Bom Jardim, que passa por uma situação delicada. Muito bem recebido nas ruas, ele tem todas as condições para que este município volte aos dias de crescimento”, afirmou André Ferreira, após caminhas pelas principais ruas da cidade.


Além da investir forte na educação, Janjão pretende investir na retomada da agricultura e estimular o comércio no município, que vem perdendo espaço para outros municípios da região, desde que os caixas eletrônicos do município foram alvo de ação de bandidos.


“Não há investimento em agricultura no município, que já foi forte em Bom Jardim. Também não há articulação para trazer caixas eletrônicos. Com isso, as pessoas vão sacar dinheiro em outras cidades e gastam dinheiro por lá mesmo, prejudicando o nosso comércio. Vou trabalhar para resolver essas questões”, disse Janjão, que vem recebendo apoio de ex-prefeitos, ex-vereadores, comerciantes, lideranças comunitárias, professores e estudantes.

Paulo Câmara comanda cerimônia de formatura de 405 novos policiais civis

Publicado por Alberes Xavier em 03/02/2020 às 16:21


Agentes irão atuar para proporcionar maior celeridade na resolução de crimes e investigações nas delegacias de todo o Estado

 

A segurança de Pernambuco ganhou mais um reforço, na manhã desta segunda-feira (03.02), com a formatura de 405 policiais civis, sendo 403 agentes e dois escrivães. Os novos profissionais serão distribuídos de acordo com a necessidade de cada região do Estado, para proporcionar maior celeridade na resolução de crimes e investigações, além de reforçar os quadros das delegacias. Na solenidade, o governador Paulo Câmara destacou a importância da atuação dos novos servidores na consolidação de uma cultura de paz em Pernambuco.

 

“Esses novos agentes vão garantir a Pernambuco a condição de continuar reduzindo o número de homicídios, roubos e furtos. Ao mesmo tempo, vão assegurar que a polícia esteja presente em todos os municípios pernambucanos. Essa complementação de quadros no âmbito na Polícia Civil busca isso, a presença das nossas polícias em todos os municípios, fazendo com que a segurança continue a avançar”, disse o governador. No último mês também houve a contratação de cerca 500 novos praças da Polícia Militar, que já estão atuando nas ruas do Estado.

 

Os convocados participaram do Curso de Formação Profissional de Agentes da Polícia Civil, que ocorreu entre 12 de agosto e 27 de dezembro do ano passado. Durante o período, os alunos foram capacitados em áreas como investigação policial, inteligência de polícia judiciária, armamento, munição e tiro, abordagem policial, direitos humanos, criminalística, prática policial e gerenciamento de crises e desastres.

 

“Essa contratação significa mais policiais nas delegacias, mais possibilidade de melhoria e de celeridade na conclusão dos inquéritos policiais. Delegacias de todo o Estado vão receber esse reforço, com o objetivo de melhorar cada vez mais a segurança pública em Pernambuco”, afirmou o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua. Essa é a segunda convocação do concurso feita pelo governador. Em 2018, 850 classificados no mesmo certame (aberto em 2016) foram chamados.

 

Uma das novas agentes, Maria Carolina Castanho, falou sobre a responsabilidade e o orgulho em se juntar à corporação. “Contribuir diretamente para o bem estar do meu Estado é uma atividade muito engrandecedora. Na delegacia, vamos ajudar pessoas que estão, naquele momento, desfavorecidas, passando por situações difíceis. Vou estar diretamente ajudando essas pessoas a superarem esses momentos. É uma função muito importante e necessária”, pontuou.

 

Participaram da solenidade o presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, deputado Eriberto Medeiros; o secretário executivo da Secretaria de Defesa Social, Humberto Freire; o chefe da Polícia Civil, delegado Joselito Kehrle do Amaral; o comandante da Polícia Militar, coronel Vanildo Maranhão; a superintendente da Polícia Federal, Carla Patrícia; a gerente geral da Polícia Científica, Sandra Santos; além de parlamentares e servidores da segurança pública.

Não sou candidato a prefeito do Recife, diz Silvio Costa Filho

Publicado por Alberes Xavier em 03/02/2020 às 14:39


Mesmo sem nunca ter me colocado como candidato a prefeito do Recife, nos últimos meses fui estimulado por vários setores da política e segmentos da sociedade a disputar a Prefeitura. Entretanto, neste momento, entendo que a melhor forma de ajudar o Recife e Pernambuco é servindo ao Brasil. Nesta segunda-feira (03), está iniciando o segundo ano legislativo do nosso primeiro mandato de deputado federal. Vou seguir focado na agenda Brasil, ajudando a construir um país mais justo e inclusivo.


Entendo que é preciso construir um estado inteligente. Que priorize a inclusão social e o ajuste fiscal. Para isso, precisamos fazer as reformas tributária, administrativa, o novo pacto federativo, entre outros. Temos que recuperar a capacidade de investimento da União, Estados e municípios. Esse é o momento de repensar o Brasil, independente da posição ideológica. 


Vou continuar trabalhando com o intuito de votar matérias e medidas que estimulem o crescimento econômico e a geração de emprego e renda, melhorando a qualidade de vida das pessoas. 


Vamos ampliar o diálogo com prefeitos, ex-prefeitos, vereadores, com os movimentos sociais, sindicatos patronal e laboral, além de professores, juventude, profissionais liberais e demais formadores de opinião. Irei intensificar a presença do nosso partido, o Republicanos, em todo o Estado. Teremos mais de quarenta candidatos a prefeito no próximo dia 04 de outubro. Continuarei visitando todas as regiões e ajudando no que for possível o desenvolvimento de Pernambuco. Por isso, comunico ao povo do Recife que não serei candidato a prefeito. O nosso projeto é Pernambuco. 


Silvio Costa Filho 

Deputado federal e presidente do Republicanos

Irmão do deputado federal Gonzaga Patriota é assassinado em Petrolina

Publicado por Alberes Xavier em 03/02/2020 às 12:23


Do G1


O irmão do deputado federal Gonzaga Patriota, Ercílio Freire dos Santos, de 52 anos, foi assassinado na manhã desta segunda-feira (3), na Rua 8 do bairro Antonio Cassimiro, em Petrolina, Sertão de Pernambuco. De acordo com a polícia, a vítima tinha ido visitar um sobrinho no local.


Quando saiu da casa do sobrinho e estava passando por um cruzamento, Ercílio foi abordado por um homem que chegou em uma bicicleta atirando. A vítima foi atingida por diversos tiros e morreu dentro do carro. O criminoso fugiu.


A família de Ercílio informou que ele atuava como motorista de aplicativo, mas no momento do crime não estava trabalhando. A Polícia Civil esteve no local do crime e o caso está sendo investigado. O corpo de Ercílio foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Petrolina.


Em 24 horas, este foi o terceiro homicídio registrado em Petrolina. Na tarde do domingo (2), um jovem de 24 anos também foi morto a tiros no bairro São Jorge. Também no domingo, um homem de 32 anos foi morto no Gercino Coelho.

Hemope Caruaru lança campanha de doação de sangue para o carnaval 2020

Publicado por Alberes Xavier em 03/02/2020 às 11:46


A Fundação de Hematologia e Hemoterapia de Caruaru lança na próxima terça feira (04), a campanha de doação de sangue para o período de carnaval 2020. A campanha vem em clima festivo e diferenciada das anteriores, pois, conta com o apoio da Estação Regional do Governo Presente Caruaru, com o tema: “Vem doar Sangue pra mim”.


A meta da campanha é aumentar em cerca de 20% o número de doares no período que antecede a folia de momo, para não haver falta durante a festança que possui uma grande demanda e baixo número de doadores. Todos os tipos de sangue serão bem vindos para equilibrar os estoques e prevenir qualquer situação de emergência. “Sabemos que nosso carnaval recebe muitos turistas, uma festa descentralizada e precisamos estar preparados para qualquer eventualidade de emergência, por isso a importância de aumentarmos os números de doadores”, pontuou, Elayne Simões, Diretora do Hemope Caruaru.


O lançamento oficial acontecerá na próxima terça – feira (04), a partir das 9h, em frente ao Hemope Caruaru, Avenida Osvaldo Cruz, onde todos os doadores serão recebidos em ritmo de frevo com a presença da banda da Polícia Militar, apresentações do Boi Treme Terra, oferta de serviços de saúde, como verificação de pressão, teste de glicemia e tipagem sanguínea, bem como, a distribuição de preservativos masculino e feminino.

Já no dia (09/02), o bloco “Vem doar sangue pra mim” vai pra rua, se concentrando às 9h em frente ao Hemope. Veste sua fantasia e vem fazer parte dessa folia. 


Quem pode doar?


Para doar, é preciso ter entre 16 e 60 anos e pesar mais de 50 quilos. Para os menores de 18 anos, é necessário autorização e acompanhamento de um responsável durante a doação. Em todos os casos, o doador precisa estar se sentindo bem e não pode estar doente, estar em boas condições de saúde, não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12h, ter tido uma boa noite de sono e estar bem alimentado.


O Hemope Caruaru funciona de segunda a sexta – feira das 7h30 às 17h, na Avenida Osvaldo Cruz, s/n bairro Mauricio de Nassau. Outras informações podem ser obtidas através do número 3719 – 9569.


Henrique Figueirôa (081) 9785 – 3235

Jornalista DRT PE 4980

Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas – SPDV

Professor Jurandir cobra melhorias da estrada que liga o distrito de Pão de Açúcar ao Brejo da Madre de Deus

Publicado por Alberes Xavier em 03/02/2020 às 11:36


O vereador e presidente da Câmara de Taquaritinga do Norte, Professor Jurandir (PTB) visitou moradores nas proximidades da passagem molhada que liga o distrito de Pão de Açúcar ao município do Brejo da Madre de Deus, e cobrou da prefeitura que seja feito o serviço de melhoria daquela estrada passagem molhada.


De acordo com o presidente, ficou acertado em uma reunião com moradores que as obras receberiam um orçamento de 30 mil reais, divididos entre a Câmara e a Prefeitura, onde cada uma entraria com R$ 15 mil.


O parlamentar frisou que a Câmara fez sua parte, faltando a prefeitura realizar o depósito e dá início as obras de melhorias da passagem. “Tivemos essa reunião e ficou acertado que a câmara e a prefeitura iriam fazer esta melhoria em parceria. Realizamos o depósito e infelizmente a gestão não honrou com sua parte. Espero que ela faça esta ação, tendo em vista que as chuvas começaram em nossa região”, concluiu.


Professor Jurandir apresentou o comprovante de depósito realizado pela Câmara de Vereadores.

Deputado Antonio Coelho visita trabalhadores rurais em Petrolina

Publicado por Alberes Xavier em 03/02/2020 às 10:09


O deputado estadual Antonio Coelho (DEM) dedicou o último final de semana a visitar trabalhadores rurais em Petrolina. O parlamentar esteve nos distritos de Rajada e Uruás, onde ouviu demandas e pode conferir que alguns poços perfurados pela prefeitura se transformaram em pequenos sistemas de irrigação, contribuindo para o desenvolvimento das comunidades rurais. Na volta dos trabalhos da Assembleia Legislativa, que ocorre nesta segunda-feira (3), Coelho pretende trabalhar para ampliar esses sistemas e beneficiar a agricultura familiar, através de articulações e emendas parlamentares.


“Pude acompanhar de perto a criatividade e a dedicação que o homem do campo tem com a sua terra. É preciso investir e destinar emendas e recursos para a agricultura familiar, seja através da perfuração de poços, da implantação de sistemas simplificados de irrigação ou mesmo nas hortas comunitárias, que já tem sido feitas. O homem do campo também começou a plantar milho, feijão, entre outros itens, e há uma animação do povo sertanejo com as chuvas, que vão ajudar e muito na produção”, destacou Antonio Coelho.

Congresso retoma trabalhos nesta segunda-feira

Publicado por Alberes Xavier em 03/02/2020 às 09:57


Da Agência Brasil


Uma sessão solene conjunta da Câmara dos Deputados e do Senado, às 15h, abre os trabalhos legislativos em 2020. Na solenidade, será lida a mensagem encaminhada pelo presidente da República ao Parlamento, com as prioridades do Executivo para 2020.


Em um ano legislativo mais apertado por causa as eleições municipais, que tradicionalmente esvaziam o Congresso na época de campanha, a expectativa é de que a mensagem priorize duas reformas, a tributária e a administrativa. Ambas vêm sendo debatidas há meses pela equipe econômica do governo e os presidentes Rodrigo Maia ( Câmara) e Davi Alcolumbre ( Senado).


Segundo o ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, que vai representar o presidente Jair Bolsonaro na sessão, além de ressaltar a importância das reformas administrativa e tributária, a mensagem trata do combate à criminalidade, à corrupção e do fortalecimento da imagem do país no exterior. “Nós recuperamos, no primeiro ano [de governo], a confiança interna no Brasil e recuperamos a confiança externa. Hoje, onde quer que a gente vá, os países olham para o Brasil com certeza de que aqui tem presente e tem bom futuro, quer para o investidor externo, quer para o brasileiro e para a sociedade”, lembra o texto de Bolsonaro, que cumpre agenda hoje (3) em São Paulo.


Rito


Para recepcionar as autoridades antes da sessão solene foram feitos dois roteiros: um para ser executado se o tempo estiver bom, e outro, caso chova. Se o tempo estiver firme, as autoridades dos Três Poderes chegam à rampa de acesso ao Congresso. Alcolumbre será o primeiro a subir a rampa, cumprindo rito tradicional: ouvirá o Hino Nacional, assistirá à execução de salva de 21 tiros de canhão pelo 32º Grupo de Artilharia de Campanha e passará a tropa em revista.


Maia subirá a rampa em seguida e será recebido por Alcolumbre no Salão Negro do Congresso, onde serão aguardados pelo presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, e por integrantes da Mesa do Congresso Nacional, líderes partidários da Câmara e do Senado e demais parlamentares.


O chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, será recebido por Maia e Alcolumbre, que o conduzirão até o plenário da Câmara dos Deputados. Se chover, a cerimônia será transferida para a Chapelaria do Congresso Nacional, sendo canceladas a execução do Hino Nacional, a revista à tropa e a salva de gala de 21 tiros.

Em 10 anos, Ministério da Saúde registra 633 mil casos de ISTs no Brasil

Publicado por Alberes Xavier em 03/02/2020 às 09:34


As Infecções Sexualmente Transmissíveis, as ISTs, são consideradas um problema de saúde pública e estão entre as patologias transmissíveis mais comuns, afetando a saúde e a vida das pessoas em todo o mundo. Essas doenças são causadas por mais de 30 tipos diferentes de vírus e bactérias e, de acordo com dados do Ministério da Saúde, o Brasil tem apresentado uma tendência de alta nos últimos anos.


Nos últimos 10 anos, o Brasil registrou cerca de 633 mil casos de ISTs. A situação é mais dramática entre os jovens de 15 a 29 anos, responsáveis pela maior parte dos registros de contágio.


A coordenadora-geral de Vigilância das ISTs do Ministério da Saúde, Angélica Espinosa Miranda, fala mais sobre o assunto.


O que são ISTs?


“ISTs são infecções transmitidas por via sexual. Um grupo de doenças causadas por vírus, bactérias, fungos, protozoários… Vários agentes patológicos”.


Por que aconteceu a mudança de nomenclatura de DSTs para ISTs?


“Essa foi uma decisão do Ministério da Saúde há alguns anos. Que foi para se aproximar da nomenclatura mudada pela Organização Mundial de

Saúde (OMS). E, assim, por que mudou de doença para infecção? Porque várias dessas ‘doenças’ não têm sintomas e aí a pessoa não sabe que tem. Então, isso foi mudado para infecção porque infecção não necessariamente você precisa ter algum sintoma específico”.


Nos últimos anos, a gente tem visto um aumento dos casos de ISTs no mundo, especialmente, entre os mais jovens. Você acredita que os jovens perderam o medo do contágio?


“Porque as ISTs são doenças superantigas e começaram a ter alguma repercussão maior no início da epidemia da AIDS, que também é uma IST. E aí, (juntando) os números da epidemia da AIDS com a gravidade dos sintomas, (isso) fez com que as pessoas tivessem mais medo de pegar AIDS ou de pegar qualquer outra IST. Só que essa geração mais jovem não teve contato com aqueles casos tão pesados da AIDS do início da epidemia. E aí, você acaba sendo displicente no uso da prevenção”.


Quais são as principais incidências de ISTs no Brasil?


“A única IST que é de notificação compulsória e que a gente tem o dado no Ministério da Saúde é a sífilis, e a gente vê que ela tem crescido muito nos últimos anos. Agora têm as outras que apesar de não serem de notificação compulsória, a gente tem vários estudos e pesquisas que são feitos em várias localidades do Brasil que a gente tem uma prevalência alta. Por exemplo, a infecção pela clamídia. É uma infecção que quase não tem sintomas, mas que causa muita complicação quando não diagnosticada e tratada precocemente.


E quais são os principais desafios para o controle dessas doenças aqui no Brasil?


“O principal desafio é essa orientação da população e que ela [população] tenha consciência do risco que corre, de procurar um serviço de saúde quando ela achar que está contaminada e mesmo que ela não ache, usar o preservativo em toda relação sexual”


A senhora diria que, apesar dessa crescente propagação, esse assunto continua sendo um tabu?


“Eu acho que ele ainda continua sendo um tabu. Ninguém quer ter alguma doença, principalmente uma doença ou uma infecção que seja fornecida por via sexual. Então, ainda se tem um preconceito, um receio na hora de procurar um serviço de saúde, de se expor. Mas, isso é uma coisa que a gente deveria estar trabalhando nessa questão da educação em saúde porque é um preconceito que a gente precisa combater. Porque é uma infecção como qualquer outro problema de saúde”.


A senhora acha que pelo fato de boa parte das ISTs serem curáveis a população ignora a importância da prevenção?


“Olha eu acho mais, (está) bem mais associado à falta de informação porque, de qualquer forma, você imagina que… Vamos falar da infecção pela Chlamydia trachomatis. É uma infecção assintomática, então até 70% das mulheres que têm clamídia não têm nenhum sintoma. Então, eu não vou me preocupar e não procuro o serviço de saúde. Só que essa bactéria pode causar infertilidade. Então, essas mulheres procuram o serviço de saúde quando elas já têm algum problema de infertilidade, o que é muito mais complexo de fazer a cura e de fazer a reversão dessa infertilidade. Então assim, eu não sei se é uma despreocupação porque eu sei que é curável, ou se é por falta de conhecimento de que estou contaminado com uma Infecção Sexualmente Transmissível”.


Para aquelas pessoas que ainda estão com dúvidas ou que foram diagnosticadas e pensam em se render ou ignorar a doença. Qual a importância de se fazer o tratamento corretamente?


“A gente já está comentando esse tempo todo da importância de você, se tiver uma Infecção Sexualmente Transmissível, ter conhecimento sobre o que são essas infecções, usar preservativo para evitar ter qualquer uma dessas infecções e, uma vez que você tenha uma infecção dessas, procurar o serviço de saúde para receber um atendimento, fazer o diagnóstico, receber uma orientação do médico, em seguida, você receber o tratamento. E isso é muito importante porque você corta a cadeia de transmissão. Porque eu tenho que saber, assintomático, o que eu estou passando para outras pessoas. E, e eu tenho consciência de que eu tenho risco, de que eu posso me colocar em risco. Se eu acho que eu contraí alguma infecção, se eu procuro o serviço de saúde, eu tenho como cortar essa cadeia de transmissão, evitar que essas infecções continuem sendo passadas”.


Diante desse quadro, qual seria de fato a melhor forma de evitar o contágio?


“O uso do preservativo em toda relação sexual. E, um questionamento que muita gente faz é que às vezes é difícil para a mulher exigir o uso do preservativo, né? A gente tem o preservativo masculino e tem o preservativo feminino, os dois são distribuídos pelo Ministério da Saúde e pelos estados e municípios sem custo. E a gente tem que empoderar essas mulheres no uso do preservativo porque a única forma eficaz da gente prevenir uma IST, é a principal forma, é o uso do preservativo”.


O Brasil é uma referência mundial no combate a ISTs, principalmente HIV, e ele oferta assistência gratuita para todos os casos de incidência, mesmo assim, os números continuam aumentando. Quais são as principais estratégias e desafios em relação à oferta de medicamentos e assistência no SUS?


“A gente precisa trabalhar na prevenção, então, assim, acertando o uso do preservativo, falando dessas infecções, falando de a importância do indivíduo ter ciência dos usos, conhecer sobre essas infecções, saber que elas existem, saber que ele pode procurar o serviço de saúde e fazer a prevenção, então, é essa parte de educação e saúde. Mas a gente também tem que trabalhar uma estratégia de melhorar a assistência nos nossos serviços de saúde. Então, tem que se trabalhar com capacitação de profissionais de saúde para que eles sejam mais preparados na hora de ofertar esse tipo de tratamento. É uma coisa que o Ministério da Saúde já faz é ofertar o preservativo, é ofertar o tratamento. Junto com os estados e municípios isso já é feito. Então, a gente tem que pegar essa cadeia toda. E pegar uma cadeia de prevenção para as pessoas não se contaminarem com uma IST”.


O Brasil oferece tratamento para todas as ISTs nas unidades do Sistema Único de Saúde, o SUS. Caso note algum sinal suspeito ou sintoma, procure o serviço de saúde para diagnóstico e início do protocolo de tratamento. Em boa parte dos casos, o cuidado médico pode levar à cura. Nos casos de doenças crônicas, como o HIV, não existe cura, mas o tratamento melhora a qualidade de vida da pessoa infectada e corta a cadeia de transmissão da doença.


A camisinha é o único método que previne contra todas as ISTs. Sem camisinha, você assume o risco. Use camisinha e se proteja das ISTs. Para mais informações, acesse: saúde.gov.br/ist.

China inaugura hospital construído em 10 dias

Publicado por Alberes Xavier em 03/02/2020 às 05:17


Estadão Conteúdo


O governo da China concluiu ontem, a construção de um dos dois hospitais provisórios de Wuhan, que vão abrigar os pacientes infectados pelo coronavírus. A obra, que demorou dez dias para ser concluída, será inaugurada nesta segunda-feira.


A construção começou no dia 23 de janeiro e está localizada no distrito de Caidian – que também abriga o Sanatório dos Trabalhadores.


Segundo informações da imprensa local, o hospital ocupa uma área de 25 mil m² e possui mil leitos. A equipe médica será composta por 1.400 agentes de saúde das forças armadas, dentro dos quais estão membros do exército, da marinha e da força áerea chinesa.


Para erguer o Hospital Huoshenshan em apenas dez dias, os operários trabalharam em turnos nas 24 horas do dia. Estima-se que cada um deles recebeu US$ 173 por dia, valor que é três vezes acima do que os trabalhadores da categoria costumam receber no país.


Além do Huoshenshan, outro hospital também está sendo construído em Wuhan. O Leishenshan – cuja obra pode ser acompanhada em tempo real no YouTube -, vai ter espaço para 1.600 leitos. A expectativa é de que os trabalhos sejam concluídos na próxima quarta-feira, 5.


Vale lembrar que esta não é a primeira vez que a China responde com prontidão a uma ameaça de saúde. Em 2003, durante a epidemia de Sars (Síndrome Aguda Respiratória Grave), o governo do país asiático surpreendeu a comunidade mundial ao construir um hospital em Pequim em apenas sete dias.


Até o momento, a doença já causou 305 mortes e deixou mais de 14 mil infectados pelo mundo, sendo que o primeiro caso de morte fora do país asiático aconteceu na madrugada deste domingo, nas Filipinas.


E em meio ao surto de casos, o governo brasileiro anunciou, também neste domingo, que vai repatriar os cidadãos que estiverem em Wuhan. A decisão foi tomada após um grupo publicar um vídeo pedindo ajuda do Brasil, para conseguir deixar a China. No entanto, o local para onde eles serão levados, até que seja cumprido o período de quarentena, ainda não foi informado.