PREFEITURA DE BREJO DA MADRE DE DEUS RECUPERA AMBULÂNCIA DEIXADA PELO EX-PREFEITO EM OFICINA COM DÍVIDA SUPERIOR A 7 MIL REAIS EM CARUARU

Publicado por Alberes Xavier em 26/02/2021 às 14:46



Dia após dia, a atual gestão municipal de Brejo da Madre de Deus tem encontrado o desmando deixado pelos ex-prefeitos Hilário Paulo e Dr Edson na saúde. 


Ontem, a gestão do prefeito Roberto Asfora conseguiu retirar uma ambulância que foi abandonada pela antiga administração em uma oficina no município de Caruaru. Após uma reunião com o diretor de Transportes, o proprietário da oficina liberou o veículo. O ex-prefeito deixou a transporte que é de suma importância para saúde com mais de 7 mil reais de débito.

Em Casinhas, gestão Juliana de Chaparral paga salários atrasados da gestão anterior

Publicado por Alberes Xavier em 26/02/2021 às 14:43



Na manhã desta quarta-feira (24), a prefeita de Casinhas, Juliana de Chaparral (DEM), aproveitou seu pronunciamento na sessão ordinária que abriu os trabalhos da Câmara Municipal de Vereadores em 2021 para comunicar o pagamento dos salários atrasados do mês de dezembro do ano passado para os servidores da Educação, que não foram pagos pela gestão anterior.


"Deus me deu a graça de ontem, à tardinha, poder depositar a folha de dezembro que não foi paga pela gestão passada, que provou mas uma vez que não foi uma gestão que teve compromisso com o povo de Casinhas. Os salários atrasados foram pagos hoje, com a graça de Deus. Exatamente R$ 289.346,41. Todos os professores e funcionários da Secretaria de Educação receberam hoje seus proventos", disse Juliana.


"Isso, para mim, é um orgulho. Procurem saber qual foi a prefeitura da nossa região que, em menos de 2 meses, ficou com folha em atraso e conseguiu pagar... Uma das nossas metas, neste início de gestão, era justamente resolver o pagamento dessa folha que herdamos da gestão anterior, mas que finalmente foi paga, graças a Deus, e estamos quites com nossos servidores", comemorou. (Do Mais Casinhas)

Em reunião com presidente do Senado, Patriota pede “racionalidade” ao citar vacinação

Publicado por Alberes Xavier em 26/02/2021 às 14:06



O presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), José Patriota, participou nesta última quinta-feira (25) de reunião, por videoconferência, promovida pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) com o presidente do Senado, o senador Rodrigo Pacheco, a fim de discutir a pauta municipalista e temas atuais como vacinação, reformas administrativa e tributária e pacto federativo. 


Ao representar as associações municipalistas do Nordeste, José Patriota afirmou ver esperança no equilíbrio federativo e pediu prioridade para a pauta da vacinação, com equilíbrio e racionalidade. “Dar prioridade à vacina é proteger toda a sociedade brasileira. Entre as políticas radicalizadas, a gente precisa de equilíbrio e racionalidade. Neste momento o papel independente e harmônico do Senado, pensando na população, é imprescindível”, enfatizou.


Patriota também tocou no tema do Bolsa Família e pediu critérios técnicos para a disponibilização do benefício, com prioridade de aprovação para regiões que possuem IDH baixo, além de criticar o cadastramento apenas por aplicativos, sem o conhecimento da realidade local, tendo em vista que o acesso aos meios digitais não é universal. A reunião foi comandada pelo presidente da CNM, Glademir Aroldi.

Lucielle Laurentino e Mendonça Filho entregam novos respiradores ao Hospital de Campanha de Bezerros

Publicado por Alberes Xavier em 26/02/2021 às 13:57



Os equipamentos foram doados ao município pelo Ministério da Saúde, após articulação do ex-ministro Mendonça Filho


A prefeita de Bezerros, Lucielle Laurentino e o ex-ministro da educação, Mendonça Filho, entregaram ao município de Bezerros, na manhã desta sexta-feira, dia 26, dois respiradores pulmonares novos para o tratamento de pacientes com Covid-19, por meio do Ministério da Saúde. Com a aquisição dos equipamentos, Bezerros conta agora com cinco respiradores, tendo em vista que um dos quatro equipamentos que bezerros ja tinha estava quebrado. 


"A gente trabalha todo dia, enquanto município, pra que a gente consiga cuidar melhor do nosso cidadão bezerrense e cuidar de quem necessitar do serviço de saúde. Mendonça atento e sensível a causa da saúde, porque é um gestor e tem essa visão do cuidado do cidadão. O Mendonça, como amigo de Bezerros, conseguiu junto ao Ministério da Saúde esses dois equipamentos, dois respiradores. A gente precisava desse suporte e Mendonça conseguiu a vinda de dois equipamentos pro município e aconteceu", discursou Lucielle.


Os equipamentos são resultado da articulação política de Mendonça Filho junto ao Ministério da Saúde, do Governo Federal. Os dois respiradores pulmonares custam R$ 108 mil. “ Eu tive muitos momentos da minha vida pública em Bezerros. Eu estive aqui também trazendo obras e entregas, especialmente como Ministro da Educação, participei aqui como ministro de alguns atos e volto hoje como cidadão e como um um homem público hoje sem cargo público, mas que não deixa de trabalhar e de se esforçar em defesa da região que me viu nascer. Eu vim aqui, porque ajudei junto ao Ministério da Saúde, a entrega desses dois respiradores, são dois equipamentos que vão atender aqueles pacientes em situação mais graves, equipamentos modernos, atualizados e que vão atender diretamente a população bezerrense e da região”, disse o ex-ministro Mendonça Filho.


Os respiradores pulmonares serão utilizados no hospital de campanha de Bezerros mantido pela Prefeitura Municipal e exclusivo para atendimento a pessoas com Covid-19. 


Segundo os dados do último boletim emitido pela Secretaria de Saúde Municipal, na noite dessa quinta-feira(25), nas últimas 24 horas a cidade registrou 13 novos casos de Covid-19. Ao todo, dede o inicio da pandemia, já são 2.414 casos confirmados na cidade, sendo 2.334 recuperados e 74 óbitos.


Ainda durante o evento, o ex-ministro da Educação antecipou que garantiu 1 ônibus escolar para Bezerros ainda quando deputado. O veículo que atenderá a Secretaria de Educação deverá chegar ao município este ano.

Com apoio da Secti, Facepe alcança o maior orçamento de sua história para ações de Ciência, Tecnologia & Inovação

Publicado por Alberes Xavier em 26/02/2021 às 13:17



Em 2020, órgão executou R$ 66 milhões em orçamento. Valor contribuiu para destacar Pernambuco no ranking de estados que aportam mais recursos em pesquisa científica no Brasil, ocupando agora o quarto lugar


A Fundação de Amparo à Ciência e a Tecnologia do Estado de Pernambuco (Facepe), órgão ligado à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), executou, em 2020, o maior orçamento da sua história. O valor, com maior participação de repasses feitos pelo Tesouro do Estado, alcançou R$ 66 milhões. Os dados foram apresentados nesta terça-feira (23), durante a primeira reunião do Conselho Gestor da instituição de 2021, na sede do órgão, no bairro da Madalena, no Recife. Para este ano, o valor aprovado no Orçamento Geral do Estado é de R$ 72 milhões a serem destinados para Facepe.


“Nunca se investiu tanto na Facepe. Com isso, Pernambuco passa a ter uma melhor classificação no ranking de estados que aportam mais recursos em pesquisa científica no Brasil. A gente deixa de ser o quinto lugar e passa a ocupar a quarta posição em investimentos proporcionais em pesquisas científicas. E isso tudo graças a sensibilidade do governador Paulo Câmara em perceber que a ciência é fundamental para que a gente possa promover o desenvolvimento do Estado, especialmente nesse momento de pandemia”, destacou o secretário de CT&I, Lucas Ramos, que também é presidente do Conselho Gestor da Facepe. “Nosso esforço é para trazer para perto os setores produtivos e, juntos, pensar em soluções para os problemas. Estamos em constante diálogo com a Fiepe, Sebrae, Fecomércio e outras entidades representativas para que, a cada dia, a gente possa aproximar as instituições”, complementou Ramos.


“Se a gente for comparar 2020 em relação a outros anos, por exemplo, chegaremos à conclusão de que tivermos um aumento de R$ 13 milhões no nosso orçamento anual”, explicou o presidente da Facepe, Fernando Jucá, ao destacar que quando o secretário Lucas Ramos assumiu a Secti priorizou o aumento nos repasses para que fosse possível equilibrar o caixa - com o Governo do Estado liquidando todo o passivo da instituição - e avançar no trabalho de apoio a projetos, pesquisas e pagamentos de bolsas.


“Este ano, estamos com as contas em dia e, ainda assim, temos uma perspectiva de investimento maior, na ordem de R$ 72 milhões, em 2021. Tudo isso só mostra o compromisso do Governo do Estado e, também, do nosso secretário de CT&I, Lucas Ramos, em relação à pesquisa e a ciência”, destacou Jucá.


Para 2021, conforme discutido na reunião do Conselho Gestor, foi definido um cronograma robusto de atividades que, além das ações emergenciais em apoio ao Governo do Estado, preveem a contratação do projeto de melhorias estruturais na sede da Facepe, conclusão da digitalização do acervo da instituição, o desenvolvimento de editais regulares e a conclusão das ações relativas ao mapeamento de competências de pesquisadores e laboratórios em Pernambuco.


“Neste ano desafiador, a Facepe terá um papel ainda mais importante no apoio ao Governo de Pernambuco na tomada de decisões estratégicas e fortalecimento de um ambiente de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação no Estado”, destacou o secretário Lucas Ramos. “Diante dos sucessivos cortes da União nas instituições de ciências no Brasil, encarados com muita tristeza por parte da Academia e dos setores produtivos, temos que destacar o esforço e participação maior do Tesouro do Estado na formatação do orçamento da Facepe”, disse ele.


Ao fim da reunião, o secretário Lucas Ramos também fez um apelo para que se pense em pautas ousadas e intensas para 2021. “Temas interessantes a exemplo de eficiência energética, novas fontes de energia, energia renovável em substituição ao combustível fóssil e atender as demandas trazidas por veículos elétricos e veículos movidos ao biocombustível”, concluiu.

Em Brasília, Fernando Monteiro obtém novas conquistas para o Sertão do São Francisco

Publicado por Alberes Xavier em 26/02/2021 às 11:37



Com semana cheia em Brasília, recebendo prefeitos de várias cidades pernambucanas, o deputado federal Fernando Monteiro (PP-PE) comemorou, nesta quinta-feira (25), mais uma conquista para Afrânio. Em audiência com o diretor-presidente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), Marcelo Moreira, o parlamentar recebeu, junto ao prefeito Rafael Cavalcanti, a garantia de recursos para a aquisição de um caminhão compactador de lixo para o município.


O veículo vai viabilizar a meta estabelecida pelo gestor sertanejo de encerramento das atividades do lixão da cidade, possibilitando a destinação correta do descarte dos resíduos sólidos produzidos no município, que atualmente vão para aterro sanitário em Petrolina. 


As articulações que seguem em Brasília para o atendimento a demandas do Sertão do São Francisco incluíram encontro, nesta quarta-feira (24), com o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto. Na ocasião, Fernando Monteiro e os prefeitos Vilmar, de Lagoa Grande, e Rafael, de Afrânio, expuseram o potencial do turismo rural da região e apresentaram estratégias de incentivo para o setor.

“Auxílio emergencial reforça rede de proteção social e dá condições para a população enfrentar a Covid-19”, defende Eduardo da Fonte

Publicado por Alberes Xavier em 26/02/2021 às 11:35



Autor do projeto de lei que estende o pagamento do auxílio emergencial (PL 2550/20), o deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE) defendeu urgência na retomada do pagamento do benefício. O parlamentar lembra que o recurso foi fundamental para manter a população em casa e impedir o agravamento da crise sanitária.


“O auxílio emergencial alcançou a população e evitou que a fome chegasse a milhares de famílias. Temos que garantir a proteção social dos brasileiros. O benefício evitou que o número de contaminados fosse ainda maior e também alavancou a economia”, afirma Eduardo da Fonte.


Nesta quinta-feira (25), o presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou que a expectativa do governo federal é pagar mais quatro parcelas do auxílio. “Estamos trabalhando para chegarmos ao valor máximo possível e que a retomada do auxílio seja feita o quanto antes”, explicou Eduardo da Fonte.

Pernambuco proíbe atividades não essenciais entre 22h e 5h em todo o território

Publicado por Alberes Xavier em 26/02/2021 às 11:34



Medidas anunciadas na última quarta-feira (24.02) para 63 municípios do interior permanecem válidas


O Governo de Pernambuco anunciou nesta sexta-feira (26.02), novas medidas restritivas, válidas para todo o território. A partir da noite do próximo sábado (27.02), até o dia 10 de março, estará proibida qualquer atividade não essencial, entre as 22h e as 5h. A decisão, comunicada pelo governador Paulo Câmara em pronunciamento, tem o objetivo de conter o novo avanço da doença, que pressiona o sistema de saúde estadual, registrando atualmente uma taxa de ocupação de UTI acima dos 90%.


Na última quarta-feira (24.02), o governador já havia divulgado ações restritivas para 63 municípios do interior. Nas Gerências Regionais de Saúde (Geres) II, IV e IX, com sedes em Limoeiro, Caruaru e Ouricuri, as atividades econômicas e sociais estão proibidas, entre 20h e 5h. Nos próximos dois finais de semana, as atividades estarão proibidas entre 17h e 5h, nessas regionais.


“A polícia e os órgãos de fiscalização estarão nas ruas para observar o cumprimento desse novo decreto. Vamos monitorar os dados minuto a minuto neste fim de semana e, caso os índices permaneçam piorando, novas medidas restritivas podem ser anunciadas já no início da próxima semana”, advertiu Paulo Câmara.


Além dessas novas medidas, foi anunciada também a ampliação das equipes de logística, para diminuir ainda mais o prazo de entrega de vacinas assim que elas chegarem ao Recife. O governador informou também que vai avançar na oferta de vagas de UTI, com a entrada em operação, já neste fim de semana, de mais 30 leitos no Hospital Eduardo Campos da Pessoa Idosa, no Recife.


Segundo Paulo Câmara, hoje o Estado conta com quase dois mil leitos dedicados aos pacientes infectados pelo vírus, sendo 998 de UTI, em 16 municípios. É a segunda maior rede de leitos de terapia intensiva do País. “Este é mais um momento decisivo na nossa luta contra a Covid. Já ficou claro que cada um precisa fazer a sua parte, usando máscara, higienizando as mãos e evitando aglomerações”, completou o governador.

Contratações do FNE atingiram R$ 25,8 bilhões em 2020

Publicado por Alberes Xavier em 26/02/2021 às 11:05



As informações estão contidas em Relatório que acompanhou a programação de execução do Fundo.


O documento traz informações sobre as contratações do FNE por estado, setor, áreas prioritárias da Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR), diretrizes espaciais/fator de localização, programas e tipos de beneficiários. Segundo o relatório, foram aplicados R$ 19,1 bilhões na programação padrão, além de R$ 6,6 bilhões (programação específica de infraestrutura), R$ 11,7 milhões (FIES) e R$ 113 milhões (FNE Sol Pessoa Física).


A Bahia registrou o maior volume de aplicação (R$ 4,2 bilhões), enquanto Ceará e Pernambuco contrataram, respectivamente, R$ 2,9 bilhões e R$ 2,7 bilhões. Os três estados foram responsáveis por 51,1% das aplicações. De acordo com o relatório, Maranhão, Piauí, Paraíba, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Sergipe e Alagoas contrataram entre R$ 860,6 milhões e R$ 2 bilhões cada. O Espírito Santo contratou R$ 341 milhões. 


Segundo a Coordenação-Geral de Fundos de Desenvolvimento e Financiamento da Sudene, entre os setores financiados pelo FNE, Comércio e Serviços foi o que mais se destacou, contratando R$ 8,4 bilhões, valor que representa 32,4% do total de R$ 25,8 bilhões disponibilizados pelo Fundo. Na sequência veio Infraestrutura, com R$ 6,6 bilhões (25,7%). Os outros setores contemplados foram Agrícola (R$ 3,4 bilhões), Pecuária (R$ 4,3 bilhões), Agroindústria (R$ 448,9 milhões), Indústria (R$ 2,1 bilhões) e Turismo (R$ 532,7 milhões). As contratações foram realizadas através dos diversos programas do Fundo Constitucional, como FNE Rural, FNE Inovação e Pronaf. Ao todo, são 16 programas de financiamento, sendo 13 para programação padrão, um específico para programação de infraestrutura, um para o financiamento estudantil (P-FIES) e um para o financiamento de micro e minigeração de energia distribuída por pessoa física (FNE SOL - PF).


Semiárido


Para os municípios localizados no Semiárido, foram destinados R$ 14,8 bilhões no período analisado. O setor de Infraestrutura foi responsável por 38,7% do volume contratado na região, enquanto Bahia e Ceará concentraram 49,5% das aplicações na região. Segundo a Constituição Federal, o FNE deve destinar ao Semiárido 50% dos seus recursos.


Além do Semiárido, são consideradas prioritárias pela PNDR as Regiões Integradas de Desenvolvimento – RIDE e as sub-regiões classificadas como média e baixa renda, de qualquer nível de dinamismo. A Coordenação-Geral de Fundos de Desenvolvimento e Financiamento da Sudene destacou, ainda, que “as Diretrizes Específicas para aplicação dos recursos do FNE correspondem aos Eixos Estratégicos do Plano Regional de Desenvolvimento do Nordeste (PRDNE), onde foram selecionadas as ações que possuem convergência com a política de fomento do governo federal, na qual o FNE é um dos principais instrumentos”.


FNE Emergencial


Voltada para empreendedores afetados pela crise do coronavírus, a linha de crédito emergencial do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) fechou o ano de 2020 disponibilizando pouco mais de R$ 3 bilhões em crédito facilitado e a juros baixos. Foram registradas mais de 156 mil operações nos 11 estados sob influência da Sudene.


O orçamento, diretrizes e prioridades do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste são aprovados anualmente pelo Conselho Deliberativo da Sudene.

Raquel Lyra debate momento político do Brasil

Publicado por Alberes Xavier em 26/02/2021 às 11:00



A prefeita de Caruaru Raquel Lyra participou na tarde desta quinta, 25 de fevereiro, do primeiro Painel PSDB-Mulher de 2021 realizado no YouTube. O encontro virtual teve como tema principal o momento político do Brasil e contou com a presença de outras quatro prefeitas tucanas. A mediação foi da presidente do PSDB-Mulher Nacional e ex-governadora do Rio Grande do Sul Yeda Crusius.


Em pauta, os desafios que os municípios enfrentam em virtude da pandemia. “A desigualdade é o grande problema que podemos enfrentar. Prestar educação de qualidade, garantir uma assistência social com desenvolvimento humano, garantir o acesso à saúde pública. Política pública precisa ser entregue onde as pessoas mais precisam”, pontuou Raquel Lyra.


O ex-deputado federal por Minas Gerais Marcus Pestana falou às prefeitas sobre o estudo que coordenou pelo Instituto Teotônio Vilela ‘‘O Brasil Pós-Pandemia: uma proposta para a reconstrução do futuro’, e-book que apresenta propostas que visam ampliar as discussões sobre questões fundamentais para o crescimento econômico do país.


Também participaram do Painel as prefeitas de Palmas (TO), Cinthia Ribeiro; de Praia Grande (SP), Raquel Chini; de Juazeiro (BA), Suzana Ramos Juá; e de Abaetetuba (PA), Francineti Carvalho.


Criado em 1999, o PSDB Mulher é o secretariado responsável por fomentar ações que visam ampliar a participação feminina na política.