Fernando Monteiro fala sobre o desenvolvimento do Sertão

O deputado federal Fernando Monteiro (PP-PE) conversou, na noite desta segunda-feira (22), pelas redes sociais, sobre a importância das ações para o desenvolvimento regional através da vocação econômica de cada município, uma de suas principais bandeiras. “Temos um cenário riquíssimo, com uma cadeia produtiva cheia de potencial. Conheço cada canto de Pernambuco e as demandas do Sertão”, resumiu o parlamentar, que teve votação expressiva no Sertão do São Francisco, Central e do Araripe.


O deputado lembrou do seu pleito junto a representantes da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para garantir a compra de caprinos e ovinos pelo Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). Fernando Monteiro também falou de seus esforços para facilitar o acesso ao crédito a juros menores pelos pequenos e médios produtores e empresários. “Nos próximos 20 dias devemos ter notícias positivas quanto a isto”, adiantou.


Sobre o aumento do valor agregado dos produtos, o deputado citou a importância de ações para a melhoria da irrigação para o uso mais eficiente da água, além do incentivo a pesquisas genéticas nos rebanhos. Esforços para a entrega de frigoríficos que permitirão a exportação de produtos de cidades como Dormentes e Afrânio para o exterior, com a criação também de um selo de qualidade para que isto ocorra, também são prioridades para Fernando Monteiro.


O escoamento da produção dos municípios foi outro ponto destacado. Uma nova estrada para o Projeto Fulgêncio, em Santa Maria da Boa Vista, e outra que liga Ipubi a Trindade, ambas em fase de pré-projeto, foram citadas pelo deputado como focos de sua atenção. A que liga Afrânio a Dormentes, que já está licitada, também está na pauta do parlamentar.


COMBATE À COVID-19


Antes da pandemia, Fernando Monteiro já havia destinado R$ 14 milhões em emendas individuais para a área de saúde de 24 municípios pernambucanos, que, conforme a Portaria 545 de 2020, do Ministério da Saúde, podem ser redirecionadas às ações de enfrentamento ao avanço da Covid-19. Além disso, também para o setor, o parlamentar direcionou 100% de suas emendas de bancada, no valor de R$ 8,5 milhões. “O combate ao novo coronavírus exige esforços concentrados de todos. Em breve, as coisas retornarão ao seu curso normal, mas para que isto ocorra é preciso que cada um de nós faça a sua parte, agindo com responsabilidade. Espero voltar a percorrer o meu Sertão o quanto antes”, finalizou.

Fernando Aragão ouve demandas da população da zona rural

Nesta terça-feira (23), o pré-candidato a prefeito Fernando Aragão (PP) esteve visitando a localidade de Magana, na zona rural de Santa Cruz do Capibaribe, onde na ocasião ouviu algumas demandas da população local. Na oportunidade, os moradores ressaltaram que um dos principais anseios da comunidade para o momento é saneamento, tendo em vista que a atual gestão não tem centrado esforços para infraestrutura não apenas desta, mas também de outras áreas.


Fernando ressaltou que possui trabalho prestado na Magana e sua história com a comunidade vem de longas datas, mais precisamente desde a época em que se articulava juntamente com Miguel Arraes (em memória). Os benefícios para população da Magana naquela época foram além de conquistas como a passagem molhada que permite acesso da localidade á rodovia PE-160. Ao lado de Arraes, Fernando levou água e energia elétrica para a população da Magana e de outros sítios e povoados da área rural.


"Eu tenho serviços prestados aqui na Magana, nós colocamos água encanada. Depois a Magana começou a crescer e a energia foi colocada, a cada casa, a cada passo que era dado nessa localidade. Tive o prazer de trazer o Dr. Miguel Arraes aqui, a esse lugar que gosto tanto. E se Deus quiser, com o apoio do povo, nós iremos realizar tudo o que for possível pela Magana e por toda a zona rural de Santa Cruz do Capibaribe", destacou.


Coronavírus


Em tempos de pandemia e de coronavírus, Fernando Aragão tem evitado cumprir com agendas que exijam a sua saída de casa. Em casos mais urgentes, como este em que a própria população se mobiliza e exige a representação da classe política para resolver problemas eminentes, cumpre com o seu papel de prestar apoio e buscar soluções junto às suas bases na esfera estadual. Obviamente, sempre tomando todos os cuidados recomendados pelas organizações de saúde.

Rodrigo Novaes e aliados realizam a entrega de uma ambulância para comunidade em Floresta

O município de Floresta, no sertão pernambucano, completou 113 anos e, para comemorar o aniversário do município, o deputado estadual Rodrigo Novaes, mobilizou a iniciativa privada e viabilizou a aquisição de uma ambulância para o distrito de Nazaré do Pico, no município. O pré-candidato a prefeito de Floresta, Gustavo Novaes, e o vereador Pedro Henrique Novaes também ajudaram Rodrigo na entrega, que foi realizada sem aglomeração de pessoas respeitando os protocolos de saúde.


Rodrigo Novaes destacou que a iniciativa foi possível graças ao apoio de amigos, beneficiando os moradores da localidade - não houve dinheiro público na aquisição do veículo. “Fico feliz em reunir nossos amigos e poder beneficiar os moradores de Floresta com a entrega dessa ambulância. Desde o ano passado, mandamos uma emenda para aquisição de ambulâncias para Floresta e até hoje os veículos não foram adquiridos pela prefeitura. Diante da inércia da gestão municipal, e para fortalecer o combate ao novo coronavírus no município, estamos promovendo a realização desse feito”, pontuou.


Emenda


O deputado estadual realizou, em 2019, o envio de uma emenda no valor de R$ 250 mil para aquisição de três ambulâncias para o município de Floresta. O recurso foi depositado nas contas municipais no dia 19 de setembro do ano passado. Entretanto, o poder público local ainda não realizou a compra dos veículos.

Fausto da Farmácia é o pré-candidato do Republicanos à Prefeitura de Catende

O Republicanos Pernambuco oficializou a pré-candidatura de Fausto da Farmácia a prefeito de Catende, na Mata Sul do Estado. Atual vice-prefeito do município, Fausto já assumiu a gestão municipal interinamente quatro vezes desde 2018 por determinação da justiça. 


“Ingressei no Republicanos para resgatar valores que a cidade perdeu. Sempre tive muito carinho e admiração pelo trabalho do deputado federal Silvio Costa Filho, que é um político decente, ativo e efetivo. Além disso, ele reconhecido no Brasil pelo trabalho que faz para ajudar os municípios. Posso dizer que fui muito bem recebido na família”, declarou Fausto.


O deputado federal Silvio Costa Filho, presidente estadual da sigla, afirmou que Fausto da Farmácia é o melhor nome para mudar a história da cidade. “Quando esteve à frente da gestão, Fausto mostrou para a população que pode ser um excelente gestor, compromissado com as demandas da cidade. As pessoas precisam de assistência e ele investiu em políticas públicas, melhorando a educação, trazendo qualidade para a saúde do município e pondo em dia o salário do servidor. São pessoas com esses princípios, com vontade de trabalhar para gerar emprego e renda para a população, que buscamos para o Republicanos. Vamos trabalhar, juntos, para desenvolver Catende", disse o parlamentar.

Petrolina tem segunda menor mortalidade por coronavírus entre grandes cidades do Nordeste

Com 583 casos e 22 óbitos ao longo dos três meses de pandemia, Petrolina segue em alerta na luta contra o coronavírus. Os números, apesar de consideráveis, estão bem abaixo da maioria dos grandes municípios do Nordeste. Petrolina tem atualmente a segunda menor taxa de mortalidade por covid-19 entre as cidades nordestinas com mais de 200 mil habitantes.


São 29 municípios com esse perfil na região. Vitória da Conquista (BA) tem o menor índice de mortalidade, com 3,8 óbitos por 100 mil moradores. Petrolina vem logo em seguida com 6,3 mortes por 100 mil. As cidades com maior mortalidade são Fortaleza-CE (117,5), Recife-PE (100,9), Sobral-CE (98,2), Maracanaú-CE (89,8), e Imperatriz-MA (86,8). 


Para se ter ideia da incidência do coronavírus nos grandes centros nordestinos, pode-se comparar as populações e óbitos por covid-19 de Sobral, Maracanaú e Imperatriz. Esses municípios tem, respectivamente, 205 mil, 224 mil e 254 mil habitantes. Já Petrolina tem 349 mil moradores. Apesar das três cidades terem população bem inferior, todas acumulam mais óbitos que o município pernambucano. Sobral já soma 202 mortes, Maracanaú tem esse mesmo total de falecimentos por coronavírus, enquanto Imperatriz teve 221 óbitos confirmados pelo vírus. 


Quando se compara com os grandes municípios pernambucanos, Petrolina também aparece com um quadro epidemiológico menos impactante. A cidade sertaneja tem a quinta maior população do estado, mas não aparece entre os 20 municípios com mais óbitos até o momento. Recife (1.662), Jaboatão (457), Olinda (208), Paulista (185) e Cabo de Santo Agostinho (132) são os cinco municípios com mais óbitos por covid-19 em Pernambuco.


Apesar do cenário com menos mortalidade, o prefeito Miguel Coelho adverte que a população deve permanecer alerta para impedir a escalada do coronavírus em Petrolina. "Investimos muito em testagem, monitoramento dos casos, isolamento preventivo e infraestrutura de saúde para proteger a população do impacto da covid-19. Esses números menores, contudo, não podem servir como pretexto para a população diminuir os cuidados. Ainda mais porque tivemos crescimento de casos e óbitos na última semana. Precisamos trabalhar juntos na prevenção para impedir que percamos mais vidas em nossa cidade por conta dessa pandemia tão devastadora", defende o prefeito de Petrolina.   


Cidades com menor taxa de mortalidade por covid-19 no Nordeste (acima de 200 mil moradores)


1º Vitória da Conquista (BA): 3,8 por 100 mil

2 º Petrolina (PE): 6,3 por 100 mil

3º Juazeiro (BA): 6,7 por 100 mil

4° Feira de Santana (BA): 6,9 por 100 mil

5º Camaçari (BA): 10,3 por 100 mil

6º Campina Grande (PB): 18,3 por 100 mil

7° Parnamirim (RN): 21,4 por 100 mil 

8° Juazeiro do Norte (CE): 22,1 por 100 mil 

9º Itabuna (BA): 28,5 por 100 mil

10° Arapiraca (AL): 29,8 por 100 mil

11° Caruaru (PE): 30,7 por 100 mil

12° Salvador (BA): 31,9 por 100 mil

13° Aracaju (SE): 32,1 por 100 mil

14° Teresina (PI): 33,9 por 100 mil

15° Mossoró (RN): 34,9 por 100 mil

16° Natal (RN): 35,9 por 100 mil

17° João Pessoa (PB): 38,9 por 100 mil

18° Olinda (PE): 52,9 por 100 mil

19° Maceió (AL): 53,7 por 100 mil

21° Paulista (PE): 55,1 por 100 mil

21° Cabo (PE): 63,7 por 100 mil

22° Jaboatão (PE): 65 por 100 mil

23° São Luís (MA): 65,7 por 100 mil

24° Caucaia (CE): 72,4 por 100 mil

25° Imperatriz (MA): 86,8 por 100 mil

26° Maracanaú (CE): 89,8 por 100 mil

27° Sobral (CE): 98,2 por 100 mil

28° Recife (PE): 100,9 por 100 mil

29° Fortaleza (CE): 117,5 por 100 mil


Cidades com menos óbitos por covid-19 no Nordeste (acima de 200 mil moradores)


1º Vitória da Conquista (BA): 13

2º Juazeiro (BA): 15

3º Petrolina (PE): 22

4º Camaçari (BA): 31

5° Feira de Santana (BA): 43

6° Parnamirim (RN): 56

7° Juazeiro do Norte (CE): 60

8º Itabuna (BA): 63

9° Arapiraca (AL): 70

10° Campina Grande (PB): 75

11° Mossoró (RN): 104

12° Caruaru (PE): 111

13° Cabo (PE): 132

14° Paulista (PE) 183

15° Maracanaú (CE): 202

16° Sobral (CE): 202

17° Olinda (PE): 208

18° Aracaju (SE): 211

19° Imperatriz (MA): 221

20° Caucaia (CE): 262 

21° Teresina (PI): 294

22° João Pessoa (PB): 315

23° Natal (RN): 318

24° Jaboatão (PE): 457

25° Maceió (AL): 547

26° São Luís (MA): 724

27° Salvador (BA): 919

28° Recife (PE): 1.662

29° Fortaleza (CE): 3.138


Cidades com mais óbitos por covid-19 em Pernambuco


1° Recife: 1.662

2° Jaboatão: 457

3° Olinda: 208

4° Paulista: 183

5° Cabo: 132

6° Caruaru: 111

7° Vitória de Santo Antão: 105

8° Camaragibe: 89

9° São Lourenço da Mata: 65

10° Ipojuca: 60

Governo do Estado determina restrição das atividades econômicas em Caruaru e Bezerros

Os dois municípios são responsáveis por 71% do aumento de casos de SRAG na última semana no Agreste


O Governo de Pernambuco decretou nesta terça-feira, 23 de junho, a restrição do funcionamento das atividades econômicas, nos municípios de Caruaru e Bezerros (ambos no Agreste), aos serviços essenciais, do dia 26 de junho a 5 de julho. Serão dez dias em que a população das duas cidades só poderá sair de casa para ir a supermercados, farmácias, padarias, postos de gasolina e serviços de saúde. Enquanto o estado tem reduzido o número de casos e óbitos por causa da Covid-19, a região registrou aumento expressivo na disseminação da doença. Os dois municípios foram responsáveis por 71% do aumento de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) no Agreste, na última semana.


A região Agreste pulou de 267 para 358 casos de SRAG na última semana. Em Caruaru, o salto foi de 97 para 152 casos. No município de Bezerros, o avanço foi de 27 para 37 casos. 


"Nossa decisão é de limitar as atividades naquela região de Caruaru e de Bezerros o máximo possível. Apenas as atividades essenciais estarão liberadas e nós vamos fazer uma restrição nas atividades comerciais, visando reduzir a circulação de pessoas ao máximo. Temos que reforçar o fique em casa para que a gente tenha um resultado positivo. Queremos uma redução do R, ou seja da velocidade de crescimento de casos naquela região. Menos casos graves, menos solicitações de UTI, preservando a saúde e a vida dos moradores tanto de Caruaru quanto de Bezerros", afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo.


Nos dois municípios também será permitido, ao longo desses dez dias, o funcionamento das atividades industriais, da construção civil (com 50% da capacidade) e de restaurantes para delivery. 


André Longo ressalta a importância da colaboração dos munícipes e do poder público local nesse momento. "É fundamental a integração de ações do Estado com os dois municípios e também que a população entenda que este é um momento de reforçar o cuidado com a transmissão do vírus, evitando mortes e preservando a saúde das pessoas", indicou.

Agrovale amplia doações de álcool 70% aos municípios da região

O município de Petrolina-PE recebeu nesta terça-feira (23) um reforço de mais 7 mil litros de álcool 70% para o combate ao novo Coronavírus (Covid -19).

 

O produto, amplamente utilizado na higienização e assepsia, foi entregue à Secretaria de Saúde e faz parte de um programa social da Agrovale que já contabiliza a doação de 132 mil litros às unidades e serviços de saúde de municípios da Bahia e de Pernambuco.

 

O programa começou em março, logo que apareceram os primeiros casos da pandemia, com a doação ao sistema público baiano de 100 mil litros de álcool in natura. Depois, as cidades de Juazeiro e Petrolina receberam 10 mil litros de álcool 70% cada uma.

 

Na semana passada o município pernambucano de Santa Maria da Boa Vista, foi contemplado com 5 mil litros de álcool 70% e a direção da empresa sucroalcooleira informou que já está em tratativas para doação do produto também aos municípios de Cabrobó, Lagoa Grande, Salgueiro e Dormentes, em Pernambuco.

 

Segundo o secretário de Saúde de Santa Maria da Boa Vista, Nelson Eduardo, a doação chegou em boa hora. "Já regularizamos os estoques do álcool 70% no Hospital de urgência e emergência Monsenhor Ângelo Sampaio, nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), no Programa de Saúde da Família (PSF) e nos postos dos bairros e do interior além de associações comunitárias", detalhou o secretário, ressaltando ainda que a doação garante o fornecimento do produto pelos próximos dois meses.

Lessa debate Lei Emergencial da Cultura com artistas de Caruaru

Envolvido no debate sobre a forma que os mais diversos segmentos sociais estão enfrentando a pandemia, o deputado estadual Delegado Lessa se reuniu virtualmente com artistas e profissionais da cultura na tarde da segunda-feira (22). Durante o encontro, foram debatidos tópicos relacionados à Lei de Emergência Cultural, que está prestes a ser sancionada em âmbito federal.

 

Denominada Lei Aldir Blanc, a norma prevê o repasse a estados e municípios de R$ 3 bilhões para serem aplicados no setor cultural. Um levantamento realizado pela Confederação Nacional dos Municípios, divulgado no início do mês de junho, estima que Caruaru, mediante a aprovação da lei, Caruaru receberá R$ 2.330.533,33.

 

Na ocasião, os artistas ressaltaram a importância do debate e o parlamentar declarou estar disponível para contribuir. “Os artistas e as entidades representativas devem estar apoderados das informações sobre a lei, para que os desdobramentos contemplem os diversos segmentos da nossa rica cultura”, observou.

 

Aniversário


Nesta terça-feira (23), o Delegado Lessa parabenizou o músico Sebastião Biano pelo aniversário de 101 anos. Pelas redes sociais, o parlamentar destacou a relevância do artista, único integrante vivo da formação original da Banda de Pífanos de Caruaru. “Sua trajetória representa a importância de preservar nossa arte e nossas tradições”, ressaltou.


Eduardo da Fonte propõe criação de fundo para saúde que pode beneficiar 13 milhões de brasileiros com doenças raras

Tramita na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 3262/20, de autoria do deputado federal Eduardo da Fonte (PP/PE), que cria o Fundo Nacional para Custeio e Fornecimento de Medicações e Terapias destinadas ao Tratamento de Doenças Raras ou Negligenciadas. São consideradas doenças raras aquelas que afetam até 65 pessoas a cada 100 mil indivíduos. Já as doenças negligenciadas são aquelas causadas por agentes infecciosos ou parasitas, como leishmaniose e doença de chagas. 


O PL traz informações sobre origem do recurso para custear o fundo e dados estatísticos que justificam a criação do programa. Atualmente, quase a totalidade das ações judiciais no SUS são para aquisição de medicamentos para doenças raras, nove em cada 10, o que representou um custo R$ 1,2 bilhão no ano passado.


“Geralmente as doenças raras são crônicas e podem ser incapacitantes. A Atrofia Muscular Espinhal, por exemplo, pode levar uma criança a depender de respirador artificial e até mesmo à morte. Precisamos garantir pelo menos o mínimo de qualidade de vida para essas pessoas, já que muitas dessas doenças não têm cura. O fundo vai permitir acesso aos medicamentos e ao devido acompanhamento médico”, afirmou Eduardo da Fonte.

Bruno Araújo participa de debate sobre liberdade de expressão e democracia realizado pela Universidade de Harvard

O presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, participa nesta quarta, 24, do encontro Harvard-Brazil Dialogues Online: Liberdade de Expressão e Democracia. Também vão debater o tema Roberto Freire, presidente do Cidadania, Gleisi Hoffman, presidente do Partido dos Trabalhadores (PT), Marcos Pereira, presidente do Republicanos, Carlos Lupi, presidente do Partido Democrático Trabalhista (PDT) e Antônio Carlos Magalhães Neto, presidente do Democratas (DEM). O evento, mediado pelo pesquisador da universidade, Hussein Kalout, será transmitido pela internet, a partir das 11h.

 

Inscrições estão abertas e podem ser feitas no link abaixo:


https://drclas.harvard.edu/event/liberdade-de-express%C3%A3o-e-democracia