Salgueiro: prefeitura confirma quarto caso de Covid-19

Por G1 - Petrolina


A prefeitura de Salgueiro, no Sertão Pernambucano, confirmou ontem o quarto caso do novo coronavírus no município. A mulher de 59 anos apresentou os sintomas há cerca de dez dias.


De acordo com o boletim divulgado pela prefeitura, a paciente ficou internada e atualmente está em isolamento social.


O município de Salgueiro contabiliza quatro casos confirmados da Covid-19, sendo que três pacientes apresentaram cura clínica. Cinco casos seguem em investigação e 13 foram descartados.

PIB pode recuar até 4% se isolamento passar de julho, diz Guedes

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou em videoconferência com senadores da bancada do Podemos na noite da quinta-feira (9) que o PIB (Produto Interno Bruto) do Brasil poderá recuar em até 4%, caso passe de julho o isolamento social proposto como forma de reduzir o contágio pelo coronavírus. A reunião foi realizada por meio virtual.


“Questionado de cenários para a economia, ele fez um cenário otimista, onde admite que o Brasil pode chegar até o final do ano com PIB de queda de até 1%. No cenário negativo, acha que tudo depende da curva do coronavíus, As previsões são que até maio e junho vamos estar no pico da curva, mas que em julho ela deva cair. Agora, se ela não cair, o cenário mais pessimista é, se passar de julho, até poderia chegar a 4% de queda. Ele disse pode cair 3%, 3,5% ou 4% o PIB, foi o que disse a nós”, afirmou o senador Oriovisto Guimarães, (Podemos-PR).


A reunião desta quinta foi a quarta da semana entre o ministro e senadores. Paulo Guedes escalou o núcleo duro de sua equipe econômica para as conferências virtuais, que se estenderam madrugada adentro, na grande maioria.


Segundo a assessoria do ministro, a reunião desta quinta foi proposta pelo ministro para que pudesse ser explicado aos senadores a necessidade de apreciação da PEC do Orçamento de Guerra, que tem sua votação prevista para segunda-feira (13).


Parlamentares divergem da medida, especialmente por dois motivos: a forma da votação, que seria feita por meio de voto aberto em reunião virtual, e não em sessão presencial com voto secreto, e um artigo que trata da autonomia do Banco Central. Sobre os índices da economia, a assessoria afirma que os cenários dependem do avançar da pandemia do coronavírus, e que estão sendo acompanhados diariamente pela equipe.


A com os senadores do MDB, na segunda-feira (6), terminou já na madrugada de terça. Demorada também foi a reunião com os senadores do DEM, no último domingo (5) e na terça (7) com os integrantes do PSDB no Senado. Em nenhuma delas, porém, havia sido relatado números específicos.


Um parlamentar do MDB chegou a narrar a preocupação com que Paulo Guedes se referia ao cenário econômico, mas afirmou que ele não citou números. Já na audiência desta quinta, as perguntas foram mais enfáticas, e fizeram com que Guedes admitisse a possível queda do PIB aos parlamentares.


“Ele estava sendo muito perguntado. Não teve como ele evitar de traçar cenários negativos”, afirmou o senador.


Folhapress

Covid-19: Saúde libera mais R$ 4 bilhões para estados e municípios

O Ministério da Saúde liberou mais R$ 4 bilhões a estados e municípios para ações de combate à covid-19. O valor é um adicional ao que já recebem para custeio de ações e serviços relacionados à saúde e pode ser utilizado para compra de materiais e insumos, abrir novos leitos e custear profissionais. A Portaria nº 774/2020 com a liberação foi publicada ontem (9) em edição extra do Diário Oficial da União. O valor corresponde a uma parcela mensal extra do que cada estado ou município já recebe para ações de média e alta complexidade ou atenção primária.


Em mensagem nas redes sociais, o ministro da Saúde, Henrique Mandetta, disse que os recursos já foram depositados nas contas dos fundos estaduais e municipais de saúde. “A gente acha que, com isso, eles [os gestores de saúde] podem adquirir os equipamentos de proteção individual (EPIs) que a gente começa a trazer da China. Está começando o mercado chinês a se organizar, estamos conseguindo trazer”, disse.


De acordo com o ministro, a primeira carga com 40 milhões de máscaras vinda da China, de uma compra de 240 milhões de máscaras, deve chegar ao país na terça-feira (14). O esforço da equipe do Ministério da Saúde é de trazer 40 milhões por semana. Um edital será aberto para que empresas interessadas em ofertar esses insumos possam se cadastrar.


“Com isso a gente pacifica o mercado brasileiro. E isso, doravante pacificado, a gente já repassa os recursos para que os estados e municípios comprem, a iniciativa privada já está comprando. O mercado está começando a se normalizar, o de EPIs”, explicou o ministro.


Já sobre os respiradores, Mandetta disse que ainda há dificuldade. Segundo ele, foi feito uma acordo com a indústria nacional para elevar de 800 para 15 mil a produção de respiradores mecânicos em 90 dias.


O ministro da Saúde reforçou a orientação da pasta para manter o isolamento social. De acordo com Mandetta, na próxima semana “vamos colher os frutos da difícil redução da mobilidade social”, determinada por estados e municípios nas últimas duas semanas. “Hoje eu vi que o pessoal começou a andar mais, vamos pagar esse preço ali na frente. Esse vírus adora aglomeração, adora contato, adora que as pessoas achem que ele é inofensivo. E aí, as cidades podem pegar a transmissão sustentada [ou comunitária]”, ressaltou.


Agência Brasil

PREFEITURA DO BREJO ENCAMINHA PROJETO QUE VISA REVOGAR AJUSTE SALARIAL DE VEREADORES DO BREJO

A Prefeitura do Brejo da Madre de Deus, através do prefeito Hilário Paulo, encaminhou ao poder legislativo municipal, um projeto de lei que pretende revogar a lei municipal 522/2020 que fixa subsídio de vereadores para a legislatura 2021/2024.


Segundo as informações, até o momento da sansão da lei, não havia nenhuma notificação do MPCO – Ministério Público de Contas, no entanto, a revogação do projeto de lei aprovado por unanimidade pela Câmara de Vereadores, se faz necessário para atender a recomendação do MP de Contas para que os poderes executivo, legislativo e judiciário, se abstenham de encaminhar projetos de revisão anual de vencimentos dos servidores públicos. 


A Prefeitura ainda informou que todas as decisões e atividades do governo municipal, são presando sempre pelo respeito à todos os princípios da administração pública.

Restituição do Imposto de Renda deve sair 10 dias após declaração, propõe Eduardo da Fonte

Um Projeto de Lei apresentado pelo deputado federal Eduardo da Fonte (PP) antecipa o pagamento da restituição do Imposto de Renda para 10 dias após a Receita Federal receber a declaração do contribuinte. A proposta é para que a antecipação comece neste ano e se estenda até 2021 ano base 2020, mesmo se ocorrer a suspensão do estado de calamidade decretado por causa da pandemia do coronavírus.


“Esta é uma medida simples e de grande ajuda para os trabalhadores. É uma forma de ajudar a minimizar o impacto da crise financeira na renda das famílias. Para o governo federal não haverá impacto financeiro, já que a devolução do dinheiro está prevista no orçamento. Para as famílias é um alívio em tempos tão difíceis”, esclareceu o deputado.


O projeto de Eduardo da Fonte ainda prevê o pagamento imediato da restituição para quem já declarou o imposto. O parlamentar também destaca que, com o dinheiro circulando, a medida ajuda as famílias e na recuperação da economia.

Maternidade Brites de Albuquerque em Olinda já está em funcionamento atendendo pacientes da Covid-19

Uma parceria firmada entre a Secretaria Estadual de Saúde do Estado e a Prefeitura de Olinda garante um atendimento exclusivo para a população


O Governo de Pernambuco, dando continuidade ao plano de expansão dos leitos dedicado aos pacientes portadores de Covid-19, já colocou em operação a Maternidade Brites de Albuquerque, que será utilizada como retaguarda, para servir como apoio das unidades que serão centro de referência do tratamento do novo coronavírus. Localizada na PE-15, no bairro da Cidade Tabajara, em Olinda, o equipamento já conta com os primeiros 10 primeiros leitos de enfermaria da unidade e 10 UTIs. Ao todo, o serviço vai contar com 120 vagas, sendo 40 de Unidade de Terapia Intensiva - UTI.


O Estado também fez a requisição administrativa do Hospital Nossa Senhora das Graças (Alfa), unidade privada localizada em Boa Viagem, Zona Sul do Recife. A estrutura que estava desativada desde 2018, será centro de referência para o tratamento e já está passando por reformas para atuar de forma exclusiva aos pacientes com a Covid-19, garantindo a ampliação da assistência à população em Pernambuco. A unidade está disponibilizando 230 leitos, sendo 100 de UTI. A previsão é que os primeiros leitos do serviço sejam abertos ainda este mês.


Nos últimos dias, o Governo de Pernambuco abriu 353 leitos para o tratamento da doença, sendo 133 UTIs e 220 de enfermaria.

“Deixo que ele seja julgado nas urnas”, afirma Josevaldo Lopes ao falar sobre vereador Flávio Diniz

O presidente da Câmara de Vereadores do Brejo da Madre de Deus, Flávio Diniz (PSD), selou recentemente a sua volta ao grupo político liderado pelo prefeito Hilário Paulo (PSD). O retorno de Flávio ao grupo boca-preta, foi confirmado após uma conversa realizada no gabinete do deputado federal Fernando Filho (DEM) em Brasília.


Tal atitude, surpreendeu o pré-candidato a prefeito e atual vice-prefeito Josevaldo Lopes (PRB), que se disse surpreendido com a atitude de Flávio Diniz, já que o mesmo contou com o seu apoio para conquistar o comando do Legislativo Municipal. Flávio foi eleito na época contra a vontade de Hilário Paulo e com o apoio da oposição. "Eu vesti a camisa, cumpri minha palavra de homem, que tinha dado a ele, dizendo que ia fazer ele presidente”, relembrou o vice-prefeito ao Blog do Alberes Xavier. 


Josevaldo afirmou, que ficou sabendo do anuncio através das redes sociais e meios de comunicação. "O que eu tenho a dizer dele é que acho que foi ingratidão. Porque no momento que ele mais precisava a gente deu as mãos para que ele pudesse ser presidente. Deixo que ele seja julgado nas urnas agora em outubro”, disse.


Se ligue – O programa “Cidade em Foco” vai ao ar de segunda a sexta-feira: 11:00 hs, na Rede Agreste de Rádios, composta pelas Emissoras: Rádio Filadélfia FM (104,9), Farol FM (90,5), Rádio Cambucá FM (104.9), Rádio Vale FM (91.7), Redentor FM (104,9), Orobó FM (105.9), Potyra FM (87,9), Vertentes FM (104.9) e pela Internet: www.filadelfiafm.net ou através do www.blogdoalberesxavier.com 

Bolsonaro espera retomada de atividades até quatro meses

Por Agência Brasil


O presidente Jair Bolsonaro afirmou ontem que espera a normalização da atividades do país em menos de "três ou quatro" meses, para não haver, segundo ele, uma complicação no cenário econômico. Ao citar os gastos de cerca de R$ 600 bilhões para programas de combate à pandemia do novo coronavírus e manutenção de empregos e renda das empresas, o presidente comparou a situação às margens de um rio após a destruição de uma ponte.


"Estamos com esses R$ 600 bilhões mantendo a comunicação com as duas margens do rio, só que temos um limite, acredito que três meses ou quatro meses fica complicado, então a gente espera que as atividades voltem antes disso", afirmou durante sua live semanal transmitida pelo Facebook.


Bolsonaro voltou a defender o fim do isolamento social amplo para pessoas fora dos grupos de risco da covid-19, como idosos e pessoas com doenças crônicas. "Por mim, quem tem menos de 40 anos já estaria trabalhando, porque nós deveríamos, no meu entender, partir para o isolamento vertical", disse.


O presidente lembrou decisão do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), que assegurou a autonomia de governos estaduais e prefeituras para determinar medidas de fechamento de comércio e isolamento social, e disse que quem se sente prejudicado por essas decisões deve cobrar os governadores e prefeitos. Ainda de acordo com presidente, no entanto, alguns estados e cidades já estão retomando as atividades, como ele defende.


"Eu tenho certeza que brevemente isso tudo estará resolvido. Tenho notícias que alguns governadores, alguns prefeitos também, [em] cidades que não tem ninguém detectado com o vírus, está sendo liberado [o comércio] pelo respectivo governador", afirmou.


O número de mortes decorrentes do novo coronavírus totalizou 941, segundo atualização divulgada pelo Ministério da Saúde nesta quinta-feira. Ao todo, o Brasil registrou 141 mortes e 1.930 novos casos confirmados nas últimas 24 horas.

PROJETO DE LEI // Controle da mosca-das-frutas passa a ser obrigatório em PE

De autoria do deputado Antonio Coelho, Lei Nº 16.852/2020 determina que produtores rurais adotem medidas de combate à praga em suas propriedades


O monitoramento e o controle da mosca-das-frutas em pomares de culturas hospedeiras de importância econômica tornou-se obrigatório em todo o território pernambucano. A determinação está em vigor desde o dia 4 de abril, a partir da publicação da Lei Nº 16.852/2020, originada a partir do Projeto de Lei Nº 541/2019 de autoria do deputado estadual Antonio Coelho (DEM). Desde então, os produtores rurais devem adotar em suas propriedades as medidas de combate à praga da recomendadas na legislação ora criada.


De acordo com o parlamentar, a contenção dessa praga que avança sobre a fruticultura do Brasil, particularmente em Pernambuco, é considerada de suma importância para a preservação da competitividade da agricultura do Estado junto aos comércios nacional e internacional. E isso só se dará, segundo ele, por meio da adoção de medidas, dentre elas o Manejo Integrado de Pragas (MIP), que levem à redução dos níveis populacionais das pragas no Vale do São Francisco, maior produtor de frutas do Brasil.


Antonio Coelho também considera importante ressaltar que é no Vale do Submédio do Rio São Francisco onde se concentra a maior área plantada de culturas hospedeiras de mosca-das-frutas (manga, uva, melão, goiaba e acerola). “E para evitar o aumento da população dessas pragas, na região tem sido notada uma elevação do índice MAD (Mosca/Armadilha/Dia), pondo em risco toda a produção”, frisa.


URGÊNCIA – O deputado defende que a celeridade da Legislação se justifica no sentido de que, caso a praga começasse a dominar os cultivos de manga e uva no Vale do São Francisco, os produtores poderiam ficar impossibilitados de exportar para os mercados europeu e americano, que possuem barreiras e determinações fitossanitárias rígidas para a importação de frutas bem como estão exigindo uma ação mais contundente do poder público em relação ao combate à mosca-das-frutas.


“É uma praga difícil de controlar, principalmente porque necessita de uma ação coletiva. O trabalho de um produtor, que faz o controle de forma correta, pode ser prejudicado se o vizinho não fizer o mesmo. Com essa lei, nossa intenção é estimular não apenas a fiscalização, mas a cultura de preservação”, destaca o deputado, ressaltando que educação sanitária, monitoramento da população e controle formam o tripé do processo para o manejo da mosca-das-frutas proposta na Lei, que também prevê penalidades para quem descumpri-la.


AÇÃO CONJUNTA – A Lei Nº 16.852 resultou de uma ação fundamentada durante audiência pública realizada na sede da Valexport, em Petrolina. O encontro contou, inclusive, com a participação de um representante da Bahia, o deputado estadual Thiago Correa (PSDB). “É importante fazer essa atuação em parceria, já que não adianta fazer o controle em Pernambuco e nenhum na Bahia, pois, a praga chegaria inevitavelmente ao Vale do São Francisco, em Petrolina”, pontua o democrata.

PSC mais forte com entrada de Alberto Feitosa

Alberto Feitosa ingressa no PSC e reforça bancada do partido na Alepe


O deputado estadual Alberto Feitosa se filiou ao Partido Social Cristão (PSC). Feitosa chega à legenda para fortalecer a bancada na Assembleia Legislativa. O ato aconteceu na presença do prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira (PL) e dos vereadores do Fred Ferreira e Ricardo Antunes, ambos do PSC.  


Presidente estadual do PSC, o deputado federal André Ferreira celebrou a filiação de Alberto Feitosa ao partido e destacou que, pela experiência e passagens exitosas por secretarias tanto no Estado como no Recife, a vinda de Feitosa vai fortalecer e elevar ainda mais a legenda no Estado.


“Alberto Feitosa é daqueles quadros que todos os partidos querem ter, Inteligente, articulado, ético e trabalhador, ele vai ajudar muito o PSC na Assembleia, que passa a contar com seis deputados, se consolidando como a terceira maior bancada da Casa”, afirmou André Ferreira.


Feitosa afirmou que chega ao partido para somar forças e continuar trabalhando pelo estado. "Fui muito bem acolhido pelo presidente André Ferreira e por todos do PSC. Me junto à esse time para reforçar o trabalho que já vem sendo realizado pelo Partido Social Cristão pelo desenvolvimento do nosso estado". 


O deputado, que é tenente-coronel da reserva da Polícia Militar, está em seu quarto mandato consecutivo e vem pautando suas ações na Assembleia Legislativa na defesa de bandeiras como segurança, saúde, educação, desenvolvimento econômico e trabalho para os pernambucanos.